Página inicial
 
Mural de recados
21.08 | Israelito Almeida
Maravilhosa Graça! De longe fica difícil avaliar, somente com as informações ...
21.08 | MARCOS LEITE
FALAR EM TABELA DA SEGUNDONA VICTOR HUGO, PELA LEI TEM Q DIVULGAR 60 DIAS ANTES ...
21.08 | júnior
já pensou se não tivesse vaidade,e todos se unir-se como seria maravilhoso para ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
25/05/2017
02h35 | esportes - SPORT
SPORT - Como esperado, Ney Franco não é mais o técnico do Rubro Negro
Foi o fim da linha. Com apenas uma vitória nos últimos 11 jogos, o técnico Ney Franco já não faz parte dos planos do Sport. Sem conseguir dar um plano tático e fazer a equipe evoluir, o treinador teve a última chance na final da Copa do Nordeste diante do Bahia. Arriscou um esquema com três zagueiros, que nada mudou. O Leão foi derrotado e viu o rival levantar a taça. Fato que tornou a sequência do comandante inviável na Ilha do Retiro em anúnico realizado pelo vice-presidente de futebol Gustavo Dubeux ao lado diretoria de futebol presente na Arena Fonte Nova.

 

"Quero agradecer a Ney Franco por todo o trabalho. Entedemos a hora que é trocar de treinador", disse o gestor do futebol. Em seguida, ficou definido que Daniel Paulista seguirá no comando do time interinamente. O diretor do clube também declarou que procura o mais rápido possível um novo técnico para, se der, colocar o nome em ação já para o duelo contra o Grêmio, no próximo domingo, na Ilha do Retiro.

Ney Franco comandou o Sport em 17 partidas. Perdeu sete, venceu seis e empatou quatro. Mas, além dos números ruins, o treinador não conseguiu fazer o time jogar nos quase dois meses em que esteve no clube. No dia a dia, segundo informações colhidas nos bastidores, o técnico também tinha suas ideias táticas, como a insistência em escalar o time com três volantes e adiantando Rithely para a criação, questionada por parte do grupo.
 
O treinador também cometeu outros deslizes. Já pressionado, chegou a declarar que preferia disputar a final da Copa do Nordeste longe da torcida do Sport, considerada, historicamente, o grande trunfo do clube ao longo de suas conquistas.
 
Agora, o clube corre contra o tempo para anunciar o seu terceiro treinador para a temporada. Após Daniel Paulista e Ney Franco, a diretoria corre contra o tempo para ter um novo comandante diante do Grêmio, pela Série A do Brasileiro. De cara, o novo gestor terá que lidar com uma maratona. Nos próximos 28 dias, a equipe entra em campo nove vezes. Mantém, portanto, a alta média deste ano de um confronto a cada três dias.
 
(Foto: Marlon Costa / Pernambuco Press)

Do super Esportes
 
 
 
eXTReMe Tracker