Página inicial
 
Mural de recados
21.09 | Paulo alvinegro
É muito engraçado o presidente do central pra conseguir falar com o prefeito de ...
21.09 | MARCOS LEITE
FOI UMA BOA PRO CENTRAL, O NÁUTICO FAZER ESSES JOGOS NO LACERDÃO, O CENTRALZÃO P ...
21.09 | cleo
PERDEMOS UMA BATALHA, MAS NÃO PERDEMOS A GUERRA NA OUTRA QUARTA EM PESQUEIRA CON ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
31/10/2016
21h22 | esportes - SPORT
Sport já possue estratégia de defesa para evitar punições a Rithely e Diego Souza
SPORT
O departamento jurídico do Sport já montou a tese de defesa que irá utilizar no julgamento do volante Rithely e do meia Diego Souza, na próxima quinta-feira, no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Ambos foram denunciados pelas críticas feitas ao árbitro Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG) após a derrota para o Palmeiras por 2 a 1, no último dia 23. Os rubro-negros reclamaram de um pênalti a favor não marcado, quando o zagueiro Mina tocou com a mão na bola, dentro da área. Há a possibilidade de os dois atletas irem ao Rio de Janeiro para reforçar a defesa. Ambos correm o risco de receber até seis jogos de suspensão. Com isso, ficariam fora da reta final do Campeonato Brasileiro, pois só restam cinco rodadas para o término da competição.

De acordo com o advogado Rodrigo Barros, o Sport utilizará a tese de que os dois jogadores não possuem punições anteriores no STJD por críticas feitas ao quadro de árbitro. Rithely, só foi a julgamento este ano uma vez, após expulsão na partida contra o Flamengo, ainda na primeira rodada. Já Diego Souza, foi absolvido da denúncia por críticas à arbitragem na mesma partida. Assim, o advogado alega que a única punição ao camisa 87 nos tribunais se deu pela expulsão no clássico contra o Santa Cruz, quando recebeu um jogo de suspensão e precisou pagar R$ 100 mil de multa, valor que foi destinado ao Hospital do Câncer.

"Este ano, Diego foi denunciado no mesmo artigo (desrespeitar a equipe de arbitragem) uma vez e foi absolvido. A punição que sofreu foi por expulsão e não por ofensa à comissão de arbitragem. Pensando sobre esse prisma, isso ameniza a situação dele. Não estou dizendo que é uma situação simples, mas vamos trabalhar para que ele seja mais uma vez absolvido", destacou Barros.

Já a situação de Rithely pode ser considerada um pouco mais amena. Isso porque o jogador é réu primário no artigo 243 (ofender alguém em sua honra). "Rithely nunca esteve envolvido com nada com relação a isso. A nossa defesa está montada e vamos pensando na absolvição dos dois jogadores", reforçou o advogado que não quis confirmar a presença dos dois atletas no julgamento. "Provavelmente estarão presentes, mas ainda não é uma certeza", disse.
 
DO SUPER ESPORTES PE 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker