Página inicial
 
Mural de recados
25.07 | Patativa
Respondendo esse rapaz chamado franco,sou torcedor e sócio do central desde 1986 ...
25.07 | MARCOS LEITE
O CENTRAL TEM Q FAZER LOGO A ELEIÇÃO, PRA SE ESTRUTURAR PRA 2018 Q JÁ TÁ GARANTI ...
25.07 | luciano
pra resolver o problema do central, não é preciso fechar as portas , e sim os só ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
24/07/2016
20h12 | esportes - SÉRIE A 2016
SÉRIE A - Cruzeiro 1x2 Sport - Dois gols de Rogério tiram time do grupo da degola após cinco rodadas
Há jogos que se tornam simbólicos para a campanha de um time. O deste domingo, diante do Cruzeiro, pode ter esse peso para o Sport. A partida no Mineirão marcou um novo momento para o Rubro-negro, que, com a vitória por 2 a 1 e os 18 pontos somados, deixou a zona de rebaixamento após cinco rodadas e viu um rival direto se complicar de vez. O resultado foi fruto de um amadurecimento na reação da equipe na Série A. Soube suportar uma grande pressão celeste, que parou em um gigante Magrão, e teve personalidade para finalizar quase todas as chances criadas com dois chutes precisos de Rogério. A combinação fez com que o Leão da Ilha segurasse o placar que havia deixado escapar em outras três vezes fora de casa contra Coritiba, Vitória e Ponte Preta.

Mas, até sair o gol do Sport, o primeiro tempo do time apontava as falhas corriqueiras no setor defensivo. Com a entrada da área desprotegida, o Leão da Ilha sofreu, mais uma vez, com erros no posicionamento de Serginho. Assim, sem segurança na retaguarda, o Rubro-negro foi bastante agredido pela equipe celeste. O quarteto formado Willian, Arrascaeta, Rafael Sóbis e Ábila conseguiu criar várias chances. 

Arrascaeta, inclusive, perdeu três grandes oportunidades aos 14, 21 e 29 minutos. Em uma delas, Magrão se agigantou na meta para defender um chute do uruguaio de dentro da área. Era primeira grande intervenção do capitão. Aliás, se não fosse o camisa 1 do Sport e a falta de pontaria, o Cruzeiro teria um resultado bastante confortável.

 

Até porque o Sport sofreu para conseguir criar. A bola leonina saía da defesa já em condições muito ruins para os homens de criação. No Leão da Ilha, a esperança se limitava em jogadas individuais de Everton Felipe e Diego Souza. E foi assim que surgiu o gol do time no único chute na meta no primeiro tempo. 

 


Com espaço, Diego Souza enfiou uma linda bola para Rogério chutar entre as pernas de Fábio e marcar aos 37 minutos. Em seguida, o Cruzeiro, que convive com um aproveitamento muito ruim como mandante - tendo apenas uma vitória -, sentiu o peso do placar e começou a se retrair em campo até o apito do juiz.

Segundo tempo
Antes que o Cruzeiro se lançasse de vez ao ataque, o Sport conseguiu abrir o segundo tempo da melhor forma possível. Logo aos 5 minutos, Everton Felipe fez uma grande jogada individual, enfileirou a defesa rival e tocou para Rogério fazer uma bela finalização e ampliar o placar.

O segundo gol leonino garantiu maior tranquilidade ao time Oswaldo de Oliveira para se retrair na defesa e apostar, ainda mais, nos contra-ataques. E foi assim que o jogo se desenhou até o fim. O Cruzeiro, obviamente, conseguiu criar várias chances e diminuiu vantagem com um gol de cabeça de Willian, aos 47. Mas o fato é que a péssima finalização da equipe e o grande jogo de Magrão voltaram a impedir qualquer reação. Sorte do Sport.

Ficha do jogo

Cruzeiro 1
Fábio; Lucas (Douglas Coutinho), Léo, Bruno Rodrigo e Edimar; Henrique, Ariel Cabral (Robinho) e Arrascaeta; Willian, Sobis e Ábila (Rafinha). Técnico: Paulo Bento

Sport 2
Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Ronaldo Alves e Rodney Wallace; Rithely, Serginho, Everton Felipe, Diego Souza (Túlio de Melo) e Rogério (Mark González); Edmílson (Rodrigo Mancha). Técnico: Oswaldo de Oliveira

Local: Arena Mineirão (Belo Horizonte-mG). Horário: 16h. Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS/Fifa). Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Alex Ang Ribeiro (SP). Gols: Rogério (aos 37min do 1T e aos 5min do 2T) e Willian (aos 47min do 2T). Cartões amarelos: Arrascaeta (C); Rodney Wallace, Magrão, Serginho, Rogério (S). Pagantes: 18.861.Renda: R$ 497.403,00.
 
DO SUPER ESPORTES PE 

Foto: André Yanckous/Agif / Gazeta Press


.
 
 
 
eXTReMe Tracker