Página inicial
 
Mural de recados
28.06 | ojuara
CONCORDO NELHOR PAGAR SAFADAO DE QUE INVESTIR NESSE CLUBE SAFADO DE LADROES PORQ ...
28.06 | Paulo Junior
Parabéns pela atitude dos torcedores do Central em dividir o dinheiro com os fun ...
27.06 | Carlos
Eu acho que esse verdade nua e crua tem problemas mentais ele fica pensando,pens ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
03/09/2015
13h25 | esportes - SPORT
SPORT: Sem definir titularidade, Eduardo Baptista sugere rodízio entre André e Hernane no ataque do Leão
Nas últimas três partidas, o técnico Eduardo Baptista vem promovendo um rodízio no comando de ataque do Sport. Na vitória contra o Bahia, pela Copa Sul-Americana, André foi o titular da equipe, mas quem acabou brilhando foi Hernane, que entrou no segundo tempo e fez dois gols na goleada por 4 a 1. Tanto que acabou titular no jogo seguinte, diante do Flamengo, na Arena Pernambuco. Mas acabou substituido no intervalo por André. Na última quarta, contra o Coritiba, o camisa 90 voltou a titularidade. E pelo que adiantou o comandante leonino, esse revezamento deve continuar.

Após o empate sem gols com a equipe paranaense, no Couto Pereira, o treinador adiantou que a escolha por André ou Hernane visando as próximas partidas passa por alguns fatores, como o estudo do adversário e também o desgaste muscular de cada um. Vale lembrar que Baptista já adiantou que não pretende usar os dois juntos para iniciar as partidas.

"André e Hernane vão continuar fazendo esse rodízio devido ao desgaste. Hoje (contra o Coritiba) entendi que a partida pedia mais o André para que ele segurasse mais a bola na intermediária e fizesse a ligação com os atacantes de velocidade. Não tenho um titular. Tudo depende da necessidade e de acordo com a avaliação do adversário também", pontuou Baptista, que também comentou o desgaste que a sua equipe vem passando pela maratona de jogos.

"O desgaste está muito grande. Contra o Coritiba, se tivesse direito a mais uma alteração eu faria. Vinhemos de um jogo muito desgastante contra o Flamengo, no qual jogamos mais de 70% do tempo com um jogador a menos. Sabia que o Samuel não iria aguentar os noventa minutos, nem o Wendel. Por isso, as mexidas foram feitas para suprir esse desgaste e manter a pegada", explicou. 

"Temos que tomar muito cuidado com a questão física. O Sport hoje é a única equipe do Brasileiro sem nenhum jogador lesionado. Isso é fruto do trabalho da parte física e médica", ressaltou.
 
DO SUPER ESPORTES 
 
FOTO: PAULO PAIVA 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker