Página inicial
 
Mural de recados
25.07 | Patativa
Respondendo esse rapaz chamado franco,sou torcedor e sócio do central desde 1986 ...
25.07 | MARCOS LEITE
O CENTRAL TEM Q FAZER LOGO A ELEIÇÃO, PRA SE ESTRUTURAR PRA 2018 Q JÁ TÁ GARANTI ...
25.07 | luciano
pra resolver o problema do central, não é preciso fechar as portas , e sim os só ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
12/08/2015
09h01 | esportes - SÉRIE A
BRASILEIRO SÉRIE A: Corinthians 4x3 Sport - Em jogo bastante disputado, Leão foi buscar o empate duas vezes, mas sofreu mais um gol depois dos 40
Clique e Confira...
Em uma das piores apresentações coletiva do Sport nesse Campeonato Brasileiro, a estrela individual do atacante Hernane chegou a brilhar, com dois gols. Mas no fim, a tão contestada arbitragem paulista de Luiz Flávio de Oliveira acabou sendo o principal destaque da vitória do Corinthians por 4 a 3 sobre o Leão. Aos 39 minutos, pouco depois da equipe pernambucana buscar a igualdade por 3 a 3 (com dois gols do Brocador), o juiz marcou o pênalti que decretou a derrota rubro-negra, após a bola se chocar com o braço de Rithely na área, após cruzamento de Aranda. A segunda derrota na Série A, derrubou o Sport para o 6º lugar.

Ao contrário do que vem mostrando ao longo do Brasileiro, o Sport começou o jogo com uma marcação frouxa, dando espaços para o Corinthians. E o atalho para os donos da casa era o lado esquerdo da defesa rubro-negra. A prova do mau início do Leão foi o gol sofrido logo aos 12 minutos, marcado pelo atacante Luciano, de carrinho, após cruzamento de Elias. Pela esquerda. Foi o primeiro gol sofrido pelo Leão nessa Série A antes dos 15 minutos.

Porém, mesmo com o início ruim, o time pernambucano teve mais uma chance de recomeçar no confronto. Na primeira boa jogada trabalhada ofensivamente, André cabeceou sem chances para Cássio, empatando a partida quatro minutos depois. A partir dai, o Sport viveu seu melhor momento no duelo. Com a equipe ajustando a marcação e tendo mais posse de bola, teve lampejos do futebol apresentado nesse Brasileiro. Porém foi pouco efetivo. Tanto que só criou uma boa chance, desperdiçada por Élber. 

E se o começo do Sport foi atípico, a desatenção nos minutos finais permaneceu. E castigo veio aos 46 minutos. Após cobrança de escanteio, toda a defesa se posicionou mal e Luciano, livre na pequena área, escorou para as redes no último lance da primeira etapa.

O começo do segundo tempo pareceu um filme repetido. Novamente explorando o lado esquerdo defensivo do Sport, o Corinthians por muito pouco não ampliou. Outra vez com Luciano, que aproveitou escorregão de Matheus Ferraz, driblou Danilo Fernandes e chutou. Samuel Xavier salvou em cima da linha. Antes dos 15 minutos, Renato Augusto e Gil também, tiveram chances de ampliar.

Sem mostrar poder de reação, o Sport esperou pacientemente o Corinthians marcar o terceiro. E ainda contribuir, com Samuel Xavier tocando para as próprias redes, aos 14 minutos. O segundo gol contra do lateral direito nesse Brasileiro (já havia anotado a favor do Avaí),e  o terceiro do Sport na competição. O time que mais marcou contra.

Com as entradas de Hernane Brocador na vaga de André e Régis na vaga de Élber, o técnico Eduardo Baptista tentou devolver força ofensiva ao Leão. E não demorou para a estrela do Brocador brilhar. No seu primeiro toque na bola, o camisa nove aproveitou recuo mal feito do Corinthians para diminuir. Logo em seguida, o atacante voltou a brocar, empatando a partida. 

Porém, quando o empate parecia um bom resultado para o Sport, veio o polêmico pênalti e que vai dar o que falar. Bem cobrado por Jádson. Resultado que terminou sendo um castigo para o time pernambucano.

Ficha do jogo

Corinthians 4
Cássio; Fágner, Edu Dracena, Gil e Uendel (Guilherme Arana); Bruno Henrique (Ralf), Elias, Jádson e Renato Augusto; Malcom (Rildo) e Luciano. Técnico: Tite.

Sport 3
Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Renê; Rodrigo Mancha. Rithely, Élber (Régis), Diego Souza e Marlone; André. (Hernane) Técnico: Eduardo Baptista.

Local: Arena Corinthians, em São Paulo. Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (Fifa-SP). Assistentes: Alex Ang Ribeiro e Miguel Cateano da Rocha (ambos de SP). Gols: Luciano (12 e 46 min do 1º), André (16 min do 1º), Samuel Xavier (contra, aos 14 min do 2º), Hernane (26 e 31 min do 2º tempo), Jádson (42 min do 2º tempo). Cartões amarelos: Gil ( C )
 
DO SUPER ESPORTES 
 
Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Paulistas venceram por 4×3. Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians


.
 
 
 
eXTReMe Tracker