Página inicial
 
Mural de recados
28.06 | ojuara
CONCORDO NELHOR PAGAR SAFADAO DE QUE INVESTIR NESSE CLUBE SAFADO DE LADROES PORQ ...
28.06 | Paulo Junior
Parabéns pela atitude dos torcedores do Central em dividir o dinheiro com os fun ...
27.06 | Carlos
Eu acho que esse verdade nua e crua tem problemas mentais ele fica pensando,pens ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
29/04/2015
18h41 | esportes - SPORT
SPORT -> Eduardo Baptista aponta Hernane como solução para ataque do Leão
CLIQUE E CONFIRA.

 

Enquanto a torcida do Sport critica a atuação dos atacantes da equipe no início da temporada, o técnico Eduardo Baptista coloca todas as fichas no atacante Hernane. Recém-contratado pelo clube, o atleta é apontado pelo treinador como um atleta capaz de fazer com que o sistema ofensivo faça as pazes com os rubro-negros.

- Hernane é um jogador que tem o estilo aguerrido, muito próximo do que o torcedor do Sport gosta. Ele sabe fazer gols, é aguerrido na recomposição, briga bastante e dentro da área é matador. Faz gol – disse o treinador, sem comparar o atleta com as opções atuais.

Ainda de acordo com o treinador, a juventude do ataque rubro-negro, que conta com Joelinton, Mike e Samuel, também é um fator que tem atrapalhado no momento da finalização. Dificuldade que, segundo Eduardo Baptista, pode ser minimizada com a chegada de Hernane.

- Nosso ataque é bastante jovem e vindo um jogador com a experiência de Hernane vai nos ajudar. Isso dará  tranquilidade para esses jovens, para que eles também possam fazer gols. 

Além de Hernane, a diretoria do clube deverá anunciar o atacante Maikon Leite, que atualmente defende o Palmeiras, na próxima semana. No entanto, o número de contratações ainda pode aumentar caso Felipe Azevedo deixe o Sport para atuar na Ponte Preta. 

 

Apesar da preocupação com o setor, os números do sistema ofensivo do Sport estão longe de ser uma catástrofe. Nas três competições do início da temporada (Copa do Brasil, Pernambucano e Copa do Nordeste), o clube disputou 24 jogos, com 44 gols marcados. Uma média de 1,8 por partida.

Do globoesporte.com/pe  


...
 
 
 
eXTReMe Tracker