Página inicial
 
Mural de recados
15.12 | Fabio
Sorteio da Copa do Brasil: Santos/AP x Sport Fluminense de Feira/BA x Santa ...
15.12 | Patativa
Foi no lacerdao hoje e fiquei impressionado com o péssima qualidade do gramado,m ...
15.12 | KLEO
CARLOS, TU ALÉM D SER PESSIMISTA, SÓ PENSA NEGATIVO, DIFERENTE DE MIM Q SOU OTIM ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
27/03/2015
20h54 | esportes - SPORT
SPORT -> Para decisão contra o Fortaleza, Eduardo Baptista tem uma dúvida: Rodrigo Mancha ou Rithely
Eduardo Batista já sabe o que o Sport precisa para vencer o Fortaleza e seguir adiante na luta pelo bicampeonato da Copa do Nordeste. Dois gols de diferença. Essa é a conta segura para o rubro-negro (que, caso vença por 1 a 0 vai ter que ir à decisão por pênaltis). Time para cima do tricolor cearense. Essa é a convicção do treinador do Leão pernambucano. Curiosamente, é na cabeça-de-área que Eduardo tem sua única dúvida. No treino desta sexta-feira (27), o técnico experimentou Rodrigo Mancha e Rithely na função de primeiro volante. Questão que deve ser dirimida no treinamento deste sábado (28), véspera do confronto.

Ressaltando que, além de qualquer ajuste tático, é fundamental uma mudança de postura em campo, Eduardo mandou o recado a seus comandados. “Atitude. Temos que corrigir a atitude. Jogos decisivos exigem atitudes fortes. Precisamos de uma mudança de postura, ser mais incisiva, agressiva”, disse.

Parte desta atitude passa pelo início da construção ofensiva, ou seja, no meio-campo defensivo, responsável pela recuperação de bola e a consequente saída para o jogo. E Eduardo entende que o time tem que evoluir no setor. “A gente precisa melhorar a saída de bola. O Fortaleza é um time que marca bem e a gente precisa de uma saída boa para que consiga chegar ao gol deles.”

A dúvida que o técnico tem, porém, é num setor em que a marcação é mais preponderante. “O Mancha e o Rithely são características de mais pegada e força”, descreveu. Eduardo, entretanto, dá a entender que sua indecisão nem é tão grande assim. “Amanhã a gente tem mais um treinamento e a gente vai observar”, falou. “Ainda tem mais algumas coisinhas para observar, mas, na minha cabeça, já está definido”, revelou.
 
Do Super Esportes PE 
Foto: Paulo Paiva 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker