Página inicial
 
Mural de recados
27.07 | Patativa
Caro Marcos Leite, vc esqueceu da equipe que desclassificou o Central a duas sem ...
27.07 | Gustavo
Marcos Leite o Campinense foi eliminado na segunda fase pelo Fluminense BA. ...
27.07 | MARCOS LEITE
PATATIVA, O CAMPINENSE UM DOS GRANDES D CAMPINA GRANDE NÃO PASSOU NEM DA PRIMEIR ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
18/03/2015
05h10 | esportes - Copa do Nordeste
Copa do Nordeste - Sport vence Sampaio Corrêa e garante classificação no NE: 3x1
CLIQUE e CONFIRA.

 

Foi suado e sofrido, mas o sonho do bicampenato da Copa do Nordeste segue vivo. Longe de apresentar um futebol empolgante, o Sport venceu o Sampaio Corrêa por 3 a 1, nesta quarta-feira, na Ilha do Retiro e se garantiu nas quartas de final como primeiro colocado do Grupo B, com 10 pontos. Dessa forma, o Leão está no pote 1 do sorteio que irá definir os confrontos dos mata-mata, ao lado de Bahia, Vitória e Ceará. Com a vantagem de fazer o jogo de volta como mandante. Porém, vai precisar melhorar seu futebol.

Para a decisão, o técnico Eduardo Baptista não pôde contar com o atacante Felipe Azevedo, que lesionou o joelho no treino recreativo da terça-feira e ficará de duas a três semanas afastado. A escolha do substituto foi ousada. O treinador leonino apostou no garoto Ítalo, de apenas 20 anos. E foi preciso apenas meia hora de jogo para perceber que a opção foi equivocada.

O Sport começou mal a partida, sem conseguir penetrar na defesa maranhense. Além disso, errava muitos passes, demonstrando nervosismo. Ítalo era um deles. Precisando da vitória para não depender de outros resultados, o Leão só chegou em dois chutes de fora da área, com Mike e Élber. Ambos sem perigo e direção. O futebol fraco, aos poucos, também foi deixando a torcida nervosa.

Aos 30 minutos, Eduardo Baptista corrigiu o erro na escalação da equipe, substituindo Ítalo para a entrada de Joelinton. A torcida poupou o prata da casa, com aplausos, mas não perdoou o treinador, chamado de “burro” por alguns rubro-negros. Curiosamente, Eduardo repetiu o que o pai, Eduardo Batista, havia feito na final da Copa do Brasil de 2008, contra o Corinthians, quando apostou em Kássio e o substituiu ainda no primeiro tempo para a entrada de Enílton. 

E assim, como havia ocorrido em 2008, o Sport melhorou com a mexida. Dessa vez, passou a apostar em cruzamentos na área para Joelinton. Mas foi pelo chão que abriu o placar e tranquilizou a Ilha. Aos 44 minutos, Joelinton brigou pela jogada e a bola caiu nos pés de Élber, que em jogada individual, invadiu a área e chutou entre a trave e o goleiro Ruan. Golaço!

 

 No retorno para o segundo tempo, com o Sampaio sendo eliminado, o técnico Oliveira Canindé foi para o tudo ou nada e colocou em campo dois jogadores ofensivos: Cleitinho e Felipe. Procurando o ataque, a equipe maranhense chegou ao empate aos oito minutos, contando com a ajuda do zagueiro Ewerton Páscoa. Em um lance fácil, o defensor do Sport se atrapalhou e a bola sobrou para Valber chutar cruzado, sem defesa para Magrão. O jogo voltou a ficar nervoso. E o Sport, assustado com a pressão imposta pelo raçudo time maranhense.


Aos poucos, porém, o Sampaio foi perdendo o ímpeto e o Leão voltou a equilibrar a partida. Ao ponto de conseguir o gol da vitória aos 32 minutos, com Diego Souza, de cabeça. Já no apagar das luzes, aos 48 minutos, Renê ainda fez o terceiro, selando a classificação do Sport, que ainda não convenceu.


Ficha do jogo

Sport
Magrão; Vítor, Ewerton Páscoa, Durval e Renê; Rithely, Rodrigo Mancha (Wendel), Diego Souza e Élber; Ítalo (Joelinton) e Mike (Régis). Técnico: Eduardo Baptista.

Sampaio Corrêa
Ruan; Daniel Damião, Mimica, Luiz e Willian Simões; Edivânio, Curuca (Arlindo Maracanã), Gil Mineiro (Cleitinho) e Válber; Geraldo e Rai (Felipe). Técnico: Oliveira Canindé.

Local: Ilha do Retiro. Árbitro: Jaílson Macedo Freitas (BA). Assistentes: Marcos Welb Rocha e Adaílton José Jesus (ambos da BA). Cartão amarelo: Ewerton Páscoa (SP), Geraldo e Válber (SA). Gols: Élber (44 min do 1º), Valber (8 min do 2º), Diego Souza (32 min do 2º tempo), Renê (45 min do 2º). Público: 7.887
 
Do Super Esportes PE 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker