Página inicial
 
Mural de recados
27.04 | Givaldo
Esse tal de Patativa devia mudar o nome para Urubu, esse desgraçado só faz corta ...
27.04 | Patativa
Meu Deus isso foi mostrado e um gramado ou um chiqueiro ...
26.04 | MARCOS LEITE
O CENTRAL PERDEU VÁRIOS BONS JOGAGORES Q DISPUTARAM O PERNAMBUCACNO DESSE ANO, A ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
16/09/2014
19h00 | esportes - SPORT
SPORT -> Volante Rodrigo Mancha sente a coxa de novo e para por mais 15 dias
Clique e Confira.

 

"Rodrigo Mancha sente a coxa e fica fora por mais 15 dias". De tão repetitiva, a notícia parece ser a mesma informação dada em maio, quando o atleta teve, pela primeira vez, um estiramento na coxa direita. Não é. Após ser liberado para a fase transição do DM para o departamento físico, na última segunda-feira, o volante voltou a sentir dores no local e terá que esperar, pelo menos, mais duas semanas para voltar aos trabalhos com bola.

De acordo com o médico Leonardo Monteiro, o atleta passou por exames de imagem, que apontaram um edema no no local e, com isso, retorna à fase inicial do tratamento.

 

Rodrigo Mancha Sport (Foto: Elton de Castro)Último jogo de Mancha foi contra o Vitória, no dia 31 de maio, pela nona rodada da Série A (Foto: Elton de Castro)

 

- Mancha reclamou de dores na coxa e, por ele vir de uma lesão complicada de tratar, nós decidimos segurar mais um pouco. Creio que, entre transição e recuperação, ele passe mais 15 dias até ser liberado. O exame apontou um pequeno edema e isso também nos fez tomar essa decisão de tratá-lo com mais calma.

É a quarta vez que o atleta sente a coxa. A primeira ocorreu dias antes da paralisação da  Série A. Logo após a intertenporada, Mancha voltou a sentir quando iniciou os trabalhos de transição. O mesmo ocorreu na véspera da partida contra o Flamengo, no início de agosto.

 

Segundo Leonardo Monteiro, o problema é fruto da complexidade do local da lesão.

 

- Não é uma lesão grave, mas tem um tratamento muito complexo. As dores são normais e temos que ter paciência com essa situação, pois não podemos acelerar a volta dele.

Quem também teve o retorno adiado foi o meio-campista Régis. Após queixar-se de dores, o atleta também apresentou um edema na coxa e precisará de mais duas semanas para voltar.

- Régis segue em tratamento. Também teve um edema e está no período de recuperação - disse Leonardo Monteiro
 
Do globoesporte.com/pe 
.

 


...
 
 
 
eXTReMe Tracker