Página inicial
 
Mural de recados
26.06 | VITOR HUGO
FORAM ELIMINADOS O SERGIPE MAIOR TORCIDA DO ESTADO, ITABAIANA A MAIOR DO INTERIO ...
26.06 | Aldery
Tudo deu errado como sempre para o Central! Desfalques e má atuação de alguns jo ...
26.06 | MARCOS LEITE
O CENTRAL TÁ GARANTIDO NA SÉRIE D 2018, AGORA TEM Q MUDAR A DIRETORIA, E FAZEREM ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
30/01/2014
02h09 | esportes - COPA DO NORDESTE
NORDESTÃO -> Sport leva um gol polêmico, perde para o Guarany e está praticamente eliminado
Clique e Confira.
O Sport está praticamente eliminado da Copa do Nordeste. Somente uma combinação de resultados, somado a duas vitórias sobre Náutico e Botafogo-PB, respectivamente, darão a chance de o Leão seguir em frente na competição. Voltando a apresentar um mau futebol,o Leão foi derrotado por 1 a 0 pelo Guarany de Sobral, na noite desta quarta-feira, no estádio do Junco, no interior do Ceará. O gol cearense foi marcado por muita polêmica e confusão, aos 45 minutos do segundo tempo. O juiz chegou a anular o gol apontando uma irregularidade no lance, mas logo voltou atrás. O técnico Geninho e os jogadores do Sport ficaram indignados.

Com o resultado, o Rubro-negro ficou nos pontos, enquanto os cearenses, líderes do Grupo D, chegaram a sete. No próximo domingo, o Sport enfrentará o Náutico, na Arena Pernambuco, sem pode pensar em outro resultado que não seja a vitória. Para ter chances reais de ultrapassar os rivais na próxima rodada, o Leão já pode começar a “secação” a partir de hoje, torcendo por um tropeço dos alvirrubros, frente ao Botafogo-PB.

No começo do jogo com o Guarany, o Sport fez o mínimo que a torcida cobrava a um time com a qualidade técnica limitada. Dedicou-se, demonstrou vontade, foi raçudo em campo. Ainda que com o futebol longe do ideal, o Leão, postado em uma formação diferente pelo técnico Geninho, com três zagueiros (no 3-5-2), mostrou-se mais bem organizado em campo. Diferentemente dos últimos jogos, começou melhor a partida. Não sofreu pressão e esteve sempre mais perto do gol que os cearenses.

Aos 4 minutos, Neto Baiano fez tabela com Everton Felipe, recebeu na frente, e por muito pouco não acertou o ângulo. O Cacique respondeu aos 15, com Furlan de falta. A bola desviou no caminho e Magrão fez grande defesa. Mais arrumado, o Sport ainda chegou outras duas vezes com perigo, com Rithely e novamente com Neto Baiano.

Segundo tempo
Se o Leão chegou até a empolgar a torcida com a tímida evolução demonstrado no primeiro tempo, o segundo voltou a demonstrar os mesmos defeitos das últimas partidas. Empurrado pela torcida, que compareceu em bom número ao estádio, o Guarany foi para cima do Sport. Aos 19, Gugu soltou a bomba do meio da rua e Magrão fez grande defesa.

A equipe cearense era só pressão, quando, aos 37, o Sport teve a grande chance do jogo com Érico Júnior, que entrou em diagonal e mandou a bola raspando. Foi mais um “quase” para um time que já chegou ao terceiro jogo em conseguir balanças as redes. No fim do jogo, o lance crucial da partida: após cobrança de falta, Gugu pegou no bate-rebate e mandou a bola para as redes, decretando a vitória ceanrese.

Ficha do jogo

Guarany de Sobral 1
André Zuba; Ivonaldo (Gugu - aos 19’ do 1ºT), Joécio, Juliano e Zeca; Rodrigo Vitor, Santos, Márcio Tarrafas (Maranhão 0 aos 28’ do 2°T) e Zé Augusto; Adriano (Reinaldo - aos 12’ do 2ºT) e Tiago Furlan.
Técnico: Vladimir de Jesus.

Sport 0
Magrão; Oswaldo, Ferron e Ewerton Páscoa; Patric, Ronaldo, Rithely, Everton Felipe (Ananias aos 20’ do 2ºT) e Igor; Felipe Azevedo (Érico Júnior - aos 32’ do 2°T) e Neto Baiano.
Técnico: Geninho.

Local: Estádio Juncão, em Sobral, no Ceará. Árbitro: Leandro Saraiva Dantas de Oliveira (RN). Assistentes: Luís Carlos Câmara Bezerra (RN) e Izac Márcio da Silva Oliveira (RN). Gols: Gugu (aos 45' do 2°T). Cartão vermelho: Ronaldo. Cartões amarelos: Rithely (aos 39’ do 1ºT), Igor (aos 2’ do 2ºT); Rodrigo (aos 10’ do 2°T), Maranhão (aos 30’ do 2ºT).

.
 
 
 
eXTReMe Tracker