Página inicial
 
Mural de recados
21.08 | júnior
já pensou se não tivesse vaidade,e todos se unir-se como seria maravilhoso para ...
21.08 | MARCOS LEITE
GUSTAVO, PELO Q ACOMPANHO O FUTEBOL DOS 26 ESTADOS DO BRASIL E MAIS O DF, O ATLÉ ...
21.08 | Antonio do Salgado
Que vaidade danada desses empresarios em ser presidente do Central, porque nao a ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
03/07/2015
12h48 | esportes - SÉRIE A
Cinco dos sete artilheiros do Brasileirão tem mais de 30 anos

Da Gazeta Esportiva

Com dez rodadas de Campeonato Brasileiro jogadas, cinco dos sete artilheiros principais da disputa têm mais de 30 anos. A experiência dos veteranos tem feito a diferença para os times que apostaram em jogadores rodados. A grande maioria com vasta rodagem pelo Brasil e pelo resto do mundo, em ligas alternativas, como Japão e China.

Com seis gols marcados, Ricardo Oliveira é artilheiro isolado da competição. A grande aposta do Santos no centroavante tem dado certo, já que ele também foi o destaque da equipe no título paulista no início da temporada. O camisa 9 tem passagens por Al-Jazira, Milan, Real Zaragoza, entre outros de fora do país. No Brasil, já vestiu o uniforme da Portuguesa e do São Paulo, além do Peixe.

De suma importância para o esquema tático comandado pelo técnico Marcelo Fernandes, Oliveira costuma abrir espaços no ataque santista e ajudar os outros atacantes a marcarem, como é o caso de Geuvânio, que sempre faz questão de ressaltar a qualidade do veterano. Seus gols, em sua maioria, foram marcados de chutes de dentro da área.

Ricardo Saibun/Santos FC
A aposta que deu certo: faro de gol de Ricardo Oliveira tem 'salvado' o Santos na disputa nacional

Com cinco tentos anotados, Renato Cajá, da Ponte Preta, é a grande surpresa do Brasileirão até aqui. Nesta quinta-feira quase anotou um gol olímpico em Itaquera, na partida contra o Corinthians. Camisa 10 da Macaca, é sua função organizar a equipe do meio para frente. Com 30 anos, o jogador tem passagem pela China, Japão e pela Turquia, e é a grande esperança dos pontepretanos para um bom resultado na competição nacional.

Enquanto isso, são cinco os jogadores que marcaram quatro vezes nas dez rodadas de Campeonato Brasileiro disputadas até aqui. O de maior expressão é Fred, destaque do Fluminense, e figurinha carimbada entre os artilheiros de Brasileirão dos últimos anos. Aos 31 anos, o centroavante disputou a Copa do Mundo coma Seleção Brasileira em 2014, e fora do país já atuou pelo Lyon, da França. Formado no América-MG, está no Tricolor das Laranjeiras desde 2009.

Nelson Perez/Fluminense. F.C.
Contestado por parte da torcida brasileira, Fred sempre fez muita diferença a favor do Fluminense no Brasileiro

Rafael Marques, do Palmeiras, foi contratado nesta temporada, e tem mostrado que pode ser muito importante para o ataque do Verdão. Aos 32 anos, também tem quatro gols feitos. Fora do país, já passou pela Turquia, Japão e China. Aqui, tem boa passagem pelo Botafogo.

Outro veterano de sucesso é Jadson. O atual camisa 10 do Corinthians tem 31 anos, quatro gols marcados neste Brasileiro e sete anos de Ucrânia no currículo. Além do Timão, teve passagem pelo São Paulo no Brasil – clube no qual estava até ser ‘trocado’ por Alexandre Pato em acordo feito entre as diretorias dos dois times. Ao lado de Renato Augusto, é a principal arma do meio-campo ofensivo do Alvinegro.

Nikão, do Atlético-PR, e Thiago Ribeiro, do Atlético-MG são as exceções. Ambos também têm quatro gols feitos nestas dez rodadas jogadas, mas o primeiro tem apenas 22 anos e o segundo 29. No entanto, a rodagem do camisa 11 do Galo é alta: antes de chegar a Belo Horizonte passou pela França, Uruguai, Emirados Árabes, e Itália. Seu último clube no Brasil foi o Santos. Mesmo jovem, Nikão já jogou na Arábia Saudita, Rússia e Holanda quando ainda estava na base.

Divulgação/Agência Corinthians
Camisa 10, Jadson é destaque no esquema tático montado por Tite no Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr)

...
 
 
 
eXTReMe Tracker