Página inicial
 
Mural de recados
21.08 | MARCOS LEITE
O MAC MARANHÃO ATLÉTICO CLUBE QUASE SOBE PRA SÉRIE C COM UMA FOLHA DE 70 MIL, PE ...
20.08 | Jose Helio Pessoa
Bom dia centralinos, surge uma esperança na história do nosso querido Central de ...
19.08 | Gustavo
O Atletico do Acre conseguio o acesso pra serie C com uma folha salarial de 60 m ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
10/06/2015
23h20 | esportes - Mercado
Tricolor acerta venda de Rodrigo Caio ao Atlético de Madrid por R$ 53 mi
O São Paulo acertou nesta quarta-feira a venda de Rodrigo Caio para o Atlético de Madrid, da Espanha. O valor total da venda é de € 15 milhões (R$ 53 milhões), com o Tricolor recebendo € 12,5 milhões (R$ 44 milhões) à vista. A parcela restante, de € 2,5 milhões (R$ 9 milhões), só será paga caso o atleta alcance algumas metas estipuladas em contrato (não divulgadas).
 
Nesse primeiro momento, dos R$ 44 milhões à vista, o São Paulo ficará com R$ 39,6 milhões, o equivalente a 90% do valor. Os 10% restantes (R$ 4,4 milhões) serão repassados para o atleta e seus representantes. Se o time espanhol pagar a parcela de R$ 9 milhões, a divisão é igual.
 
Ainda não está definido se o atleta vai embora na janela de transferências do mês que vem ou se permanecerá até dezembro no Tricolor. Isso porque o clube do Morumbi tenta segurá-lo até o final do ano por um pedido feito pelo técnico colombiano Juan Carlos Osorio. 
 
Rodrigo Caio é cria da base do São Paulo, clube que defende desde os 11 anos de idade. Chegou ao profissional em 2011 e estreou em uma goleada de 5 a 0 para o Corinthians, pelo Campeonato Brasileiro daquele ano. Subiu como volante, mas, com o passar do tempo, foi mostrando toda sua qualidade para atuar em várias posições. Foi utilizado também como lateral-direito. Mas foi como zagueiro que seu futebol cresceu muito de rendimento.
 
Foi Ney Franco, em 2013, que resolveu efetivar o atleta na zaga. A evolução foi nítida. Com Paulo Autuori e Muricy Ramalho, seguiu como titular. No meio do ano passado, ele vivia a melhor fase da carreira, era observado por vários clubes da Europa e tinha negociação avançada com o Monaco, que pagaria € 20 milhões (R$ 70 milhões pelo atleta). Mas sofreu grave lesão no joelho esquerdo, em partida contra o Criciúma, pelo Campeonato Brasileiro. Foram sete meses de recuperação até voltar aos gramados na atual temporada.
 
Do globoesporte.com 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker