Página inicial
 
Mural de recados
24.04 | Paulo
Parabéns ao povo de caruaru pelo reconhecimento do time do carcara que represent ...
24.04 | Beltrão
A vigilância tem que estar alerta, um certo clube da capital, adora oferecer cif ...
24.04 | Centralino
Lembrando a FPF que esse ano vai ser mais difícil roubar do Salgueiro, pois o se ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
09/06/2015
16h21 | esportes - Futebol
Com apenas uma vitória no Brasileiro, Oswaldo é demitido do Palmeiras
Aposta para o comando técnico alviverde no segundo mandato de Paulo Nobre na presidência, Oswaldo de Oliveira não resistiu à pressão pelos maus resultados e foi demitido do clube nesta terça, após ser comunicado da decisão pela diretoria. Depois do vice-campeonato paulista, o Palmeiras teve queda de rendimento brusca no Brasileiro – somando apenas seis em 18 pontos disputados -, e o primeiro a pagar pelas falhas foi o treinador.
 
Após 30 jogos no comando da equipe, Oswaldo deixa o comando na Academia de Futebol com 16 vitórias, sete empates e sete derrotas, retrospecto que resulta em um aproveitamento de 61%. A má campanha no Brasileirão, que contrasta com as atuações empolgantes do Verdão no Estadual, foi determinante para a demissão do técnico, que após a derrota para o Figueirense, no último domingo, optou por dar folga ao elenco e ir ao Rio de Janeiro para descansar.
 
Após perder o título paulista nos pênaltis para o Santos, o Palmeiras estreou no Brasileirão empatando com o time reserva do Atlético-MG, fato que bastou para as críticas voltarem à tona. O empate contra o Joinville, fora, e o tropeço para o Goiás, dentro de casa, deixaram ainda mais delicada a situação, que só foi aliviada pela vitória no Derby em Itaquera. No entanto, outros dois resultados adversos, contra Internacional e Figueirense, culminaram no desligamento de Oswaldo de Oliveira do clube.

Em inúmeras declarações na Academia, Oswaldo sempre se colocou à frente dos atletas para se responsabilizar pelas más atuações, e ponderou também as ausências por contusão e o entrosamento como questões que colaboraram para a campanha ruim no torneio nacional. No entanto, após 22 jogadores contratados e poucos resultados, foi ele o alvo principal para o início da reestruturação.
Veicula-se na imprensa o nome de Marcelo Oliveira como possível sucessor de Oswaldo, levando em conta a demissão recente do Cruzeiro e a proximidade com o diretor de futebol do Verdão, Alexandre Mattos, com quem foi bicampeão em Minas Gerais. Outra opção é Cuca, que está de saída da China e é outro nome disponível no mercado.
 
Da Gazeta Esportiva 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker