Página inicial
 
Mural de recados
24.04 | Paulo
Parabéns ao povo de caruaru pelo reconhecimento do time do carcara que represent ...
24.04 | Beltrão
A vigilância tem que estar alerta, um certo clube da capital, adora oferecer cif ...
24.04 | Centralino
Lembrando a FPF que esse ano vai ser mais difícil roubar do Salgueiro, pois o se ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
24/02/2015
15h53 | esportes - Futebol Nacional
Fluminense vê saída de Walter com bons olhos

Gazeta Press

Fluminense/Divulgação
A diretoria do Fluminense tem evitado falar abertamente sobre a situação do atacante Walter, que vem tendo poucas oportunidades com o técnico Cristóvão Borges na atual temporada. Porém, é quase unanimidade nas Laranjeiras que a saída do atleta neste momento seria algo altamente positivo.

Uma redução na folha salarial, tão importante em momentos de crise, é um dos fatores principais a serem levados em consideração. Uma possível melhora do ambiente interno do clube também é pensada. No último sábado Walter tentou agredir o goleiro Kléver com uma tesoura voadora e só não conseguiu porque foi impedido por companheiros que apaziguaram os ânimos. Os dois jogadores até conversaram depois do ocorrido, mas Cristóvão Borges e os dirigentes não aceitaram bem o fato.

Cristóvão, por sinal, não aceita a atual condição física de Walter, que parece mais uma vez bem acima do peso. O jogador chegou a ser usado em quatro das seis partidas disputadas pelo time no Campeonato Carioca, sempre entrando no segundo tempo. Não marcou nenhum tento no Estadual e sequer foi utilizado na derrota de 1 a 0 para o Vasco, no domingo passado, o que o fez deixar o Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ), com cara de poucos amigos. Seu único gol na temporada foi na derrota de 3 a 2 para o Colônia, da Alemanha, em um torneio amistoso em janeiro.

Ofertas

O Fluminense chegou a receber algumas sondagens por Walter, vindas de Grêmio e de Santos. Porém, os valores acabaram não sendo acordados e a negociação não avançou. O Tricolor paga apenas parte do salário do atacante, o que é registrado em carteira. Os direitos de imagem, que deveriam ser pagos pela Unimed, ex-patrocinadora do clube, estão em aberto. Há duas semanas surgiu a informação de que o Goiás, com o auxílio de uma rede de lanchonetes, estaria apresentando uma proposta pelo jogador, porém, nada de concreto ainda chegou ao Fluminense.

Walter tem contrato com o Tricolor até o fim deste ano e o Fluminense não exerceu o direito de adquirir em definitivo o jogador no fim do ano, quando precisava pagar R$ 6,2 milhões ao Porto, de Portugal, ou ceder um percentual dos direitos federativos de atletas de suas categorias de base. Os dirigentes cariocas tentam convencer os portugueses, inclusive, a aceitarem Walter de volta, algo pouco provável de acontecer neste momento. Assim, o futuro do jogador continua completamente indefinido nas Laranjeiras.

,
 
 
 
eXTReMe Tracker