Página inicial
 
Mural de recados
22.04 | Paulo alvinegro arretado
Meus amigos isso não é possivel. Que paz é essa? Isso é inconpetência total. Es ...
21.04 | Paulo alvinegro
Aleluia,aleluia a paz voltou ao central será mesmo vamos aguardar. ...
21.04 | Manoel
AGORA VAI GERA UMA NOVA PESPEQUITIVA NO CENTRAL COM A UNIÃO DA DIRETORIA, SÓ NÃO ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
17/01/2015
20h13 | esportes - Futebol Nacional
Fluminense perde novamente e Colônia leva a taça da Copa Flórida
CLIQUE e CONFIRA.

Da Gazeta Esportiva 

Fluminense sofreu a sua segunda derrota consecutiva na Copa Flórida e ficou na última posição do torneio. O Colônia, da Alemanha venceu,de virada, por 3 a 2 e garantiu o título da competição, por ter sido a única que conseguiu duas vitórias. Na soma dos pontos, a Alemanha também conquistou um troféu por ter marcado nove pontos contra apenas três das equipes brasileiras,ao final dos confrontos.

O Tricolor das Laranjeiras saiu na frente do marcador, mas não conseguiu resistir ao melhor entrosamento da equipe alemã. No intervalo, o técnico Cristovão Borges trocou toda a equipe brasileira,enquanto o Colônia manteve o time titular durante quase todo o jogo. O atacante Fred foi poupado e não participou do jogo.

O Jogo –Diante de um estádio com um público muito pequeno, e bem modificado em relação ao primeiro jogo, o Fluminense começou a partida pressionando em busca do primeiro gol. E, logo aos cinco minutos, a equipe brasileira marcou. Conca bateu falta e o volante Edson cabeceou para o gol, O goleiro Horn ainda tentou desviar,mas não conseguiu impedir que a bola entrasse.

A alegria tricolor não demorou muito tempo.Dois minutos, o Colônia marcou o gol de empate. Após cobrança de escanteio,o atacante Ujah se antecipou ao goleiro Diego Cavalieri e cabeceou para deixar tudo igual.

O time dirigido por Cristovão Borges não desanimou e quase desempatou,aos 13 minutos, quando Jean chutou forte e o goleiro Horn teve dificuldade para fazer a defesa.

Bruno Haddad/Fluminense F. C.
O Fluminense saiu na frente do marcador, mas não conseguiu resistir ao bom entrosamento alemão
Depois dos 20 minutos, a equipe alemã passou a controlar mais as ações na intermediária e a se aproximar com perigo do gol brasileiro. Aos 26, após boa troca de passes na entrada da área, a bola sobrou para Vogt que chegava livre,mas seu chute foi bloqueado pela zaga tricolor.

Muito retraído, o Fluminense dependia da produção de Conca que era bem vigiado,mas que tentava se livrar dos adversários.Aos 33 minutos, o meia argentino foi derrubado no lado direito da grande área. Na cobrança, Conca rolou para Jean que mandou uma bom que passou perto do gol alemão.

O Colônia continuava mais agressivo e quase chegou ao segundo gol aos 37 minutos,mas o zagueiro Victor Oliveira desarmou Halfar na hora da conclusão.Logo depois, Marlone sentiu uma lesão e foi substituído por Pablo Dyego.

A equipe alemã continuava bem melhor e criou nova oportunidade aos 39 minutos,quando Maroh,de bicicleta,voltou a assustar Diego Cavalieri.

Aos 45 minutos, Conca fez um lançamento espetacular para Michael que entrou livre e chutou em cima do goleiro Horn que saiu bem e fechou a porta para o atacante tricolor.

O Fluminense voltou para o segundo tempo com uma equipe inteiramente diferente, a exemplo do que havia feito na partida diante do Leverkusen. O Colônia voltou com a mesma equipe e atacando em busca do segundo gol, o que aconteceu aos cinco minutos. Finne entrou na área, chutou no travessão e apanhou o rebote para colocar nas redes da equipe carioca.

O time alemão quase marcou o terceiro gol aos 10 minutos quando Guilherme Mattis falhou e o goleiro Júlio César fez ótima defesa em cabeçada de Gerhardt.

A equipe europeia seguia pressionando em busca do terceiro gol. Aos 21 minutos, João Filipe errou na rebatida e a bola sobrou para Halfar que mandou uma bomba no ângulo,sem qualquer chance de defesa para Júlio César.

Mesmo dominado, o Fluminense continuou lutando,principalmente através de Walter que dava muito trabalho aos zagueiros do Colônia.

Aos 25 minutos, Walter teve seu esforço com a marcação do segundo gol do Fluminense.O atacante recebeu na entrada da área e mandou um chute cruzado que entrou no canto direito do goleiro do Colônia.

Mesmo desentrosado, o time das Laranjeiras tentou reunir suas forças para buscar o empate,mas o Colônia que pouco mexeu na equipe, mantinha o controle da partida,administrando a vantagem. Mesmo com dificuldade, o Fluminense seguiu lutando e quase marcou o gol do empate,aos 39 minutos,quando Fernando fez grande jogada individual, se livrou de três marcadores, tabelou com Walter, e chutou forte para boa defesa de Horn.

 Fluminense x Colônia - Florida Cup (Foto: Bruno Haddad/Fluminense FC)




...
 
 
 
eXTReMe Tracker