Página inicial
 
Mural de recados
24.11 | Kaio
Tbm tem q trazer o Naldinho e Caça Rato e trazer um zagueiro experiente ...
22.11 | CLEO
VERDADE MARCONDES ESSA É A HORA DA MASSA ALVINEGRA AJUDAR O CENTRALZÃO. ...
22.11 | MARCONDES
TODOS UNIDOS PELO CENTRAL, IMPRENSA, DIRETORIA E TORCIDA SÓ ASSIM O CENTRAL VAI ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
08/12/2014
23h17 | esportes - Futebol Nacional
Tite e Corinthians voltam a se aproximar nos bastidores
Do Lancenet!

A negociação entre Corinthians e Tite voltou a ficar mais perto de um desfecho positivo. Nas últimas horas, o valor pretendido pelo empresário Gilmar Veloz e o valor oferecido pelo clube ficaram mais próximos. Há quem afirme no Parque São Jorge que a confirmação da volta do treinador mais vitorioso da história alvinegra deva sair até o fim de semana.

O salário sempre foi o principal entrave para um acerto. O LANCE!Net revelou no último dia 2 que a diretoria do Timão se assustou com os R$ 800 mil por mês pedidos pelo agente do treinador. A diferença era tão grande que os dirigentes do Corinthians passaram a trabalhar com os nomes de Oswaldo de Oliveira (sem clube) e Abel Braga (Internacional), sendo que o primeiro era o mais possível, devido ao pedido salarial mais modesto do que o de Tite (cerca de R$ 550 mil).

A prática de pedir um salário fora da realidade do futebol brasileiro não é novidade para o empresário Gilmar Veloz. No fim de 2011, após conquistar o Brasileirão pelo Corinthians, Tite quase não renovou o contrato com o clube. O treinador, que passava férias com a família nos Estados Unidos, deixou a negociação nas mãos do agente. Andrés Sanchez, então presidente, disparou publicamente dizendo que o agente acreditava que estava "no Qatar".

– Eu não pago R$ 700 mil, R$ 800 mil para um treinador. Isso é uma ofensa ao país – disse Sanchez, na época.

A pedida, na ocasião, era cerca de R$ 650 mil mensais, além de bonificações por títulos. Tite foi informado por sua assessoria, entrou em contato por telefone com Sanchez, acalmou a situação e, assim, sua permanência foi concretizada. Em 2012, ele conquistou a Libertadores inédita e o Mundial no Japão.


Tite viu a final da Libertadores em Buenos Aires (Foto: João Xavier)



.
 
 
 
eXTReMe Tracker