Página inicial
 
Mural de recados
24.06 | Kaio SGD
Olha nos desfalque só o que poder atrapalhar é o desfalque de Agenor o resto pod ...
23.06 | Antonio
Olha a quantidade de possíveis desfalques que o Central pode ter no jogo, é muit ...
23.06 | Danilo
http://sportv.globo.com/site/programas/ta-na-area/noticia/2017/06/empresario-ilu ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
11/12/2013
23h19 | esportes - Mercado da Bola
Oswaldo de Oliveira é confirmado como novo técnico do Santos

Oswaldo de Oliveira é o novo técnico do Santos. Em reunião nesta quarta-feira, o treinador assinou o vínculo de um ano com o Peixe. Ele chega para a vaga que era de Claudinei Oliveira, que comandou a equipe de maio, após a demissão de Muricy Ramalho, até o fim do Brasileiro.

 

Contratado pelo Santos, Oswaldo estava no Botafogo havia dois anos. A notícia de que o treinador não permaneceria para 2014 foi divulgada na tarde de segunda-feira, pelo site oficial do clube. À frente do time do Rio de Janeiro, foram 133 partidas, 64 vitórias, 38 empates e 31 derrotas. O único título foi o Campeonato Carioca de 2013.

 

 

Antes de acertar com Oswaldo, o Peixe negociou com Ney Franco. No entanto, o técnico do Vitória fez exigências que o Santos não aceitou, e a negociação não foi concretizada.

 

Terceira passagem de Oswaldo pelo Santos

Oswaldo Oliveira já é conhecido pela torcida do Peixe. Em 2005, o treinador teve uma curta passagem pela equipe, mas não conquistou títulos ou resultados de expressão.

 

Antes de sua primeira passagem como treinador do Alvinegro, contudo, Oswaldo já havia trabalhado no clube. Em 1997, como auxiliar do técnico Vanderlei Luxemburgo, ele conquistou o Torneio Rio São Paulo.

Já como comandante do Santos, o técnico não chegou a ser campeão, até porque permaneceu por pouco tempo no cargo. Em 2005, o treinador ocupou o cargo no Peixe de janeiro a março, disputando 16 jogos e conquistando nove vitórias, quatro empates e três derrotas.





...
 
 
 
eXTReMe Tracker