Página inicial
 
Mural de recados
27.07 | Patativa
Caro Marcos Leite, vc esqueceu da equipe que desclassificou o Central a duas sem ...
27.07 | Gustavo
Marcos Leite o Campinense foi eliminado na segunda fase pelo Fluminense BA. ...
27.07 | MARCOS LEITE
PATATIVA, O CAMPINENSE UM DOS GRANDES D CAMPINA GRANDE NÃO PASSOU NEM DA PRIMEIR ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
05/12/2013
00h04 | esportes - COPA SUL-AMERICANA
Ponte reage, empata com Lanús e joga por vitória simples para ser campeã

Matéria do lancenet! 

 

Foi sofrido, chegou a ser desesperador, mas a Ponte Preta mostrou força e reação para deixar a decisão da Copa Sul-Americana para a semana que vem. A Macaca empatou em 1 a 1 com o Lanús (ARG) na noite desta quarta-feira, no Pacaembu, e ficou a uma vitória simples de conquistar o primeiro título de sua história. A noite não foi perfeita, afinal o fanático torcedor de Campinas esperava a vitória, mas a trajetória do clube nesta competição dá esperanças.

A partida regular da Macaca ficou em segundo plano com o gol de Fellipe Bastos, de falta como o de Goltz, que abriu o placar. O tento injetou ânimo na equipe brasileira, afinal a Macaca será campeã se repetir o que já fez contra os gigantes Vélez Sarsfield (2 a 0, nas quartas de final, também na Argentina) e São Paulo (3 a 1, na semifinal, no Morumbi).

 

Poderia ter sido pior. O primeiro tempo da equipe de Jorginho até foi bom, mas o que impressionou mesmo foi o gol perdido pelo argentino Santiago Silva. "El Tanque", como é conhecido, chutou para fora com as traves escancaradas, Roberto vencido. Incrível.

O gol que não saiu culminou no equilíbrio do primeiro tempo, salvo por uma boa chance de Fellipe Bastos, o mais ousado por parte da Macaca, ao contrário de Rildo, o destaque da competição, que teve noite apagada.

 

As emoções ficaram para o segundo tempo. Melhor e mais organizado, o Lanús saiu na frente com Goltz. O chute da intermediária em cobrança de falta traiu Roberto, que tomou no seu canto: silêncio no Pacaembu.

 

 

Jorginho mexeu no time, a Ponte melhorou, mas falhava quando precisava concluir. Até que Fellipe Bastos, o melhor da Macaca, também cobrou falta com perfeição e tirou o grito da garganta dos torcedores: 1 a 1.

 

Na quarta-feira que vem, no estádio do Lanús, quem vencer será campeão, já que o critério de gol fora não vale na final. Se o jogo terminar empatado, haverá prorrogação e depois pênaltis. O título da Macaca faria com que o Campeonato Brasileiro perdesse uma vaga para a Libertadores, atualmente em disputa por Atlético-PR, Goiás, Botafogo e Vitória.

 

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 1 X 1 LANÚS

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data/Hora: 4/12/2013 – 21h50
Árbitro: Roberto Silveira (URU)
Auxiliares: Marcelo Costa (URU) e Maurício Espinoza (URU)

Público/renda: R$ 589.375,00 e 28.244 pagantes
Cartões amarelos: Diego Sacoman, Fernando Bob, Artur e Uendel (PON); Gonzáles, Pereyra Diaz, Izquierdoz e Velazquez (LAN)
Cartão vermelho: Não teve

GOLS: Goltz, 12'/2ºT (0-1); Fellipe Bastos, 33'/2ºT (1-1)

PONTE PRETA: Roberto; Artur, César, Diego Sacoman e Uendel; Baraka, Fellipe Bastos, Fernando Bob (Adailton - 18'/2ºT) e Elias (Magal - 42'/2ºT); Rildo (Chiquinho - 28'/2ºT)e Leonardo Técnico: Jorginho

LANÚS: Marchesin; Carlos Araújo, Goltz, Izquierdoz e Velazquez; Gonzalez (Barrientos - 36'/2ºT), Somoza, Pereyra Diaz (Benítez - 43'2ºT) e Melano (Ayala - 23'2ºT); Jorge Ortiz e Santiago Silva - Técnico: Guilhermo Schelotto.





...
 
 
 
eXTReMe Tracker