Página inicial
 
Mural de recados
20.09 |
Náutico chega na cidade e tem apoio popular e da prefeitura, o problema é o Cent ...
20.09 | Ze ligado
É muito interessante mesmo, a prefeita recebe os dirigentes do náutico enquanto ...
20.09 | Centralino
Lembro-me de chegar a ver neste site de notícias, as primeiras informações sobre ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
14/11/2013
16h11 | esportes - FUTEBOL NACIONAL
Tite não terá contrato renovado, e Mano volta ao Corinthians em 2014
Clique e Confira.

Do globoesporte.com 

Mano vai comandar o Corinthians na temporada 2014. Em reunião realizada nesta quinta-feira, no CT Joaquim Grava, a diretoria do Timão comunicou a Tite que seu contrato não será renovado. O comandante alvinegro nas conquistas da Taça Libertadores e do Mundial de Clubes no ano passado tem proposta tentadora do Shandong Luneng, da China, equipe do atacante brasileiro Vágner Love.

 

O acordo com Mano está fechado. Técnico que comandou o Timão na campanha do retorno à Série A, em 2008, e na conquista da Copa do Brasil de 2009, ele retorna após passagens ruins pela Seleção e pelo Flamengo.

Participaram do encontro com Tite o presidente Mário Gobbi Filho, o diretor de futebol Roberto de Andrade, o adjunto Duílio Monteiro Alves e o gerente Edu Gaspar. Os dirigentes consideram que era o momento de mudar porque o técnico não conseguiu fazer a equipe reagir durante a má fase no Campeonato Brasileiro.

 

A decisão da cúpula corintiana deixou o treinador contrariado. Tite havia manifestado a pessoas que trabalham no clube seu desejo de renovar contrato por, pelo menos, mais um ano. Funcionários do CT Joaquim Grava revelaram que o técnico se mostrou bastante chateado com o anúncio feito pela diretoria.

Tite treino Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)
Tite deixa o Corinthians após passagem vitoriosa
(Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)

 

O clima também não é dos melhores com os jogadores. Alguns deles reprovaram a mudança por serem homens de confiança de Tite e acreditarem que o elenco pudesse responder à altura em 2014 – o Timão é o nono colocado no Brasileirão e tem chances remotas de se classificar para a Taça Libertadores.

O futuro de Tite pode ser a Ásia. O treinador recebeu uma proposta milionária do Shandong Luneng, da China, por dois anos de contrato. Os valores oferecidos ultrapassariam os R$ 15 milhões anuais. O treinador preferiu não abrir negociações em virtude do desejo de seguir no Timão, mas, com a decisão tomada pela direção, os contatos serão retomados.

 

 

O clube chinês, aliás, pode promover um verdadeiro desmanche na comissão técnica do Corinthians. Além de Tite, o auxiliares Cleber Xavier e Fábio Carille, o preparador de goleiros Mauri Costa Lima, o preparador físico Fábio Mahseredjian e o fisioterapeuta Bruno Mazziotti também foram procurados e podem acertar caso o treinador aceite o convite.

Apesar dos salários elevados, pesa contra a ida para a China o fato de Tite querer descansar. O treinador não esconde que está bastante cansado com os anos de pressão no Corinthians e gostaria de relaxar com a família por alguns meses. Há pouco tempo, ele recebeu uma proposta do Internacional, mas se recusou a conversar com os diretores colorados.

Na história

Foi a segunda passagem de Tite pelo Corinthians (a primeira havia sido entre 2003 e 2004). E provavelmente também foi a atuação mais vencedora de um técnico em 103 anos de vida do clube. Contratado novamente em 2010, ele contou com a compreensão da diretoria, mais especificamente do então presidente Andrés Sanchez, que o manteve no cargo mesmo sendo eliminado na primeira fase da Taça Libertadores da América de 2011, ao perder para o Tolima, da Colômbia. A aposta deu certo. Depois daquele episódio, Tite ganhou cinco títulos: Brasileiro (2011), Libertadores e Mundial (2012), Paulista e Recopa (2013).

Pouco antes de seu desligamento, Tite tinha escrito seu nome em mais um capítulo da história do Corinthians. Contra a Portuguesa, ele se tornou o segundo técnico com mais partidas dirigidas no Timão: 257. Apenas Oswaldo Brandão, treinador em cinco oportunidades, tem mais jogos: 441. Tite comandou o Timão em 268 partidas até agora e chegará a 272 caso fique mesmo até o fim de seu contrato.

 


.
 
 
 
eXTReMe Tracker