Página inicial
 
Mural de recados
18.10 | MARCOS LEITE
É VERDADE PAULO RICARDO, DIRETORIA VAI ARRUMAR A KSA, ISSO NÃO PODE SER FEITO DA ...
18.10 | Paulo R
! Antônio, amigo a nova diretoria só faz 15 dias que assumiu o club e vc pergunt ...
17.10 | Antonio do Salgado
Sim entrou uma nova diretoria conversa bonita danada, reformaram a concentraçao ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
29/06/2013
19h28 | esportes - SELEÇÃO BRASILEIRA
SELEÇÃO BRASILEIRA > 30 de junho: O tetra da Copa das Confederações pode vir no mesmo dia do penta mundial no Japão
Oferecimento: Chico Auto Peças
Luiz Felipe Scolari não é um homem de fé à toa. Em 6 de junho deste ano, o treinador aproveitou a manhã de folga da Seleção Brasileira, em Goiânia, para ir ao Santuário do Pai Eterno, em Trindade, agradecer uma graça obtida há 11 anos e suplicar por outra bênção: o título da Copa das Confederações. Talvez, o visionário tenha notado uma coincidência espiritual no calendário. A decisão do tetra contra a Espanha, amanhã, às 19h, no Maracanã, será na mesma data da conquista do penta em 2002 - 30 de junho. Naquele dia, a primeira geração da Família Scolari, liderada por Rivaldo e Ronaldo, entrou definitivamente para a história ao derrotar a Alemanha por 2 a 0, em Yokohama, no Japão. Na data do aniversário da quinta estrela, a missão de Neymar & Cia é provar que a data é um talismã verde-amarelo.

Coordenador técnico da Seleção Brasileira em 2002, Antônio Lopes tomou um susto ao saber da coincidência. “Isso é tremendo, rapaz. Queira Deus que dê tudo certo novamente como foi em 2002”, disse ontem à reportagem. Tão religioso quanto o amigo Felipão, Antônio Lopes brincou. “Todo treinador é supersticioso e ele não foge à regra. Se ele tiver notado isso, certamente usará a favor dele na preleção antes da partida contra a Espanha”, disse com a autoridade de quem conviveu com Felipão por quase dois meses na caminhada do penta.

Antônio Lopes lembra que, em 29 de junho de 2002, o técnico da Seleção Brasileira escancarou o papel de motivador. “Ele fez de tudo, passou vídeo da Alemanha, imagens dos familiares dos jogadores e colocou até recadinho debaixo da porta para que eles vissem assim que acordassem”, lembra o hoje diretor técnico do Atlético Paranaense.

Um dos bilhetes era a frase do poeta alemão Christian Morgenstern. “Se não quiseres conquistar de novo o mundo a cada dia, hás de perdê-lo cada dia mais”. Segundo Antonio Lopes, sobrou até para um bicho. “Na preleção, ele colocou uma tela falando do tatu. Foi superengraçado”, riu. O slide dizia: “O tatu tá gordo? A unha é que sabe! Esta é a resposta das pessoas bem-sucedidas aos que acham que tudo que elas têm caiu do céu. Se o tatu está gordinho e cevado, foi às custas do trabalho duro com as unhas”, contou. “São exemplos como esse que me fazem acreditar que o Felipão vai repetir neste 30 de junho de 2013 o sucesso de 30 de junho de 2002. Torço e sempre torci por ele. Vai dar certo”, despediu-se Antônio Lopes.
 
Do Super Esportes 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker