Página inicial
 
Mural de recados
27.05 | Alex
É o fim da picada a contratação de Candinho, juntando todos os atacantes não dá ...
26.05 | marcelo
Concordo plenamente com voce paulo esses reporteres das radios de caruaru sao do ...
26.05 | Davi
Infelizmente o editor desse blog não publicou meu comentário, so sei de uma cois ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
21/03/2013
18h31 | esportes - AMISTOSO
AMISTOSO -> Brasil fica no 2x2 com a Itália
Clique e Confira.

Parecia tão perto, mas o fim do jejum de vitórias da Seleção Brasileira sobre equipes campeãs do mundo continua. Depois de abrir 2 a 0, o Brasil cedeu o empate para a Itália em um amistoso disputado nesta quinta-feira, em Genebra, na Suíça. Fred e Oscar marcaram para o Brasil. De Rossi e Balotelli fizeram para a Azzurra: 2 a 2.

O último triunfo sobre seleções com camisa mais "pesada" foi em novembro de 2009, sobre a Inglaterra. Ainda falando sobre números, Felipão continua sem vencer depois de dois jogos neste seu retorno à Seleção.

O goleiro Julio César trabalhou muito no primeiro tempo e saiu reclamando no intervalo, pedindo melhoras na marcação. Ele teve motivos: apesar de o placar já estar 2 a 0 para o Brasil, a defesa da Seleção deu muitos espaços, especialmente nas costas de Daniel Alves. A Itália tinha organização no meio-campo e velocidade pelas pontas. Mas o goleiro brasileiro estava garantindo o bicho dos companheiros.

Na frente, o ataque da Seleção demorou a se encontrar e precisou do oportunismo de Fred para deslanchar. O camisa 9 deixou sua marca pelo segundo jogo seguido com Felipão, aproveitando a falha de marcação de De Sciglio. Belo tapa de primeira.

A Itália se abriu ainda mais e, quem diria, o Brasil ampliou em um contra-ataque dez minutos depois, após Neymar deixar Oscar na cara de Buffon. O camisa 10 não tremeu diante de um dos melhores goleiros do mundo: 2 a 0.

Mas aí veio o segundo tempo. E Julio César tinha razão. Deu uma de profeta. Uma modificada Itália, surpreendentemente sem o maestro Pirlo, começou de forma arrasadora a etapa final. Com 12 minutos já estava 2 a 2.

Mas como? Falha da marcação na bola cruzada. Daniel Alves furou, Dante e David Luiz não se entenderam e De Rossi diminuiu. Depois, Balotelli aproveitou que Julio César estava um pouco adiantado e acertou um chutaço.

E para mudar essa história? Felipão não soube como. Entre outros testes, típicos de amistosos, ele tirou do jogo justamente quem tinha feito os gols - Fred e Oscar - mantendo por mais tempo um Hulk pouco inspirado.

A Itália continuou melhor, mas também perdeu força com as mudanças. O clássico acabou mesmo 2 a 2 e com a sensação de que o Brasil ficou devendo. Continuamos sem vencer um grande. Como se empolgar para a Copa das Confederações?

BRASIL 2 X 2 ITÁLIA

Local: Estádio de Genebra, em Genebra (SUI)
Data/Hora: 21/3/2013, às 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Stephan Studer (SUI)
Auxiliares: Jean-Yves Wicht (SUI) e Sandro Pozzi (SUI)
Cartões amarelos: Fred, Filipe Luís (BRA); Maggio (ITA)
Gols: Fred, 32'/1ºT (1-0); Oscar, 40'/1ºT (2-0); De Rossi, 6'/2ºT (2-1)/ Balotelli, 8'/2ºT (2-2)

BRASIL: Júlio César, Dani Alves, David Luiz, Dante e Felipe Luís (Marcelo, 31'/2ºT); Fernando, Hernanes (Luiz Gustavo, 45'/2ºT) e Oscar (Kaká, 15'/2ºT); Hulk (Jean, 37'/2ºT), Neymar e Fred (Diego Costa, 23'/2ºT). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

ITÁLIA: Buffon, Maggio, Barzagli, Bonucci e De Sciglio (Antonelli, 27'/2ºT); De Rossi (Diamanti, 34'/2ºT), Pirlo (Cerci, intervalo), Montolivo e Giaccherini (Poli, 27'/2ºT); Balotelli (Gilardino, 38'/2ºT) e Osvaldo (El Shaarawy, intervalo). Técnico: Cesare Prandelli.

Do Lancenet


.
 
 
 
eXTReMe Tracker