Página inicial
 
Mural de recados
28.06 | Israelito Almeida
Maravilhosa Graça! Aqui estou eu em Fortaleza, daqui a pouco vou assistir SALG ...
28.06 | ojuara
CONCORDO NELHOR PAGAR SAFADAO DE QUE INVESTIR NESSE CLUBE SAFADO DE LADROES PORQ ...
28.06 | Paulo Junior
Parabéns pela atitude dos torcedores do Central em dividir o dinheiro com os fun ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
06/08/2010
13h52 | esportes - Alta
Kaká recebe alta e admite que já sentia dores no joelho esquerdo

Da Gazeta Esportiva 

O meia Kaká recebeu alta nesta sexta-feira do hospital na cidade de Amberes, na Bélgica, onde realizou uma artroscopia no joelho esquerdo para corrigir uma lesão no menisco. O brasileiro afirmou que já vinha sentindo dores, mas acreditava que elas fossem fruto da pubalgia que vinha combatendo.

"Tinha dores no joelho desde a temporada passada, antes inclusive de jogar a Copa do Mundo, mas não sabia que era grave", declarou o atleta em entrevista ao jornal Marca.

Após o próprio médico do Real Madrid admitir que Kaká jogou a Copa do Mundo no limite físico, o meia falou que o departamento médico confundiu sua lesão com a pubalgia.

"Quando terminou o Mundial eu pensei que esta dor se devia à pubalgia e que poderia ir para as férias para me recuperar. Depois quando fizeram a exploração vimos que era grave. É um momento duro, mas trabalharei duro para voltar", declarou o jogador.

Apesar de não chegar à África do Sul com 100% de suas condições, Kaká ajudou a equipe do técnico Dunga enquanto esteve em campo, e deu três assistências nos quatro jogos em que participou (ele não jogou contra Portugal, no último jogo da primeira fase do Mundial).

Porém, o esforço do atleta, que tinha ficado fora de muitos jogos do Real Madrid durante a última temporada, resultou em uma piora de suas condições físicas, como atestou Marc Martens, médico do clube merengue.

Para finalizar, o meia brasileiro fez questão de agradecer o apoio do técnico José Mourinho, recém-chegado ao Real, que afirmou que vai esperar Kaká voltar a ter as melhores condições físicas para utilizá-lo. "Mourinho tem sido muito especial comigo, carinhoso e disse que quer que eu volte 100%. Estou muito feliz por isso", encerrou


.
 
 
 
eXTReMe Tracker