Página inicial
 
Mural de recados
24.04 | Fabio
Obg torcida centralina! Se Deus quiser esse título virá para o interior. ...
24.04 | George Luís
Sou Centralino de Coração, apaixonado pela Patativa do Agreste, mas sem dúvidas, ...
23.04 | Davi
Parabéns ao Salgueiro pela campanha q vem fazendo,embora nos ultimos anos o time ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
12/05/2015
18h12 | esportes - Futebol
Neymar brilha, Bayern não chega ao milagre, e Barcelona avança à final
CLIQUE E CONFIRA.

Do Lancenet. 

Durante 15 minutos o Barcelona teve a classificação um pouco ameaçada. Um gol no início estava nos planos do Bayern de Munique, mas a resposta imediata dos catalães não havia sido planejada pelo técnico Pep Guardiola, que cobrou cautela e atenção na defesa. Assim, os catalães avançam à final da Liga dos Campeões da Europa com derrota por 3 a 2, nesta terça-feira, na Allianz Arena. Na ida, 3 a 0 para os blaugranas. 

Neymar fez um grande primeiro tempo, anotando os gols do Barça. Cheio de desfalques, como Robben e Ribéry, o Bayern de Munique lutou e se despediu da Champions com um grande segundo tempo.

Trio MSN brilhou no primeiro tempo, mas foi desfeito na etapa final (Foto: AFP)

 

O clássico teve emoção do início ao fim. Com quatro minutos de jogo, o Barça já havia perdido uma chance. Rakitic entrou sozinho e chutou. Neuer espalmou. Seria um prenúncio do que os visitantes encontrariam nos contra-ataques.

Aos sete, Benatia, de cabeça, abriu o placar, dando falsas esperanças ao Bayern de incendiar o clássico.

Com a defesa rival totalmente exposta, o trio MSN começou a aparecer. Em dois lances, Suárez consagrou Neymar, deixando o atacante brasileiro livre para dar os dois golpes finais nos bávaros. Viarada catalã antes do intervalo.

 

Lewandowski entorta Mascherano e marca para o Bayern de Munique (Foto: AFP)

 

Diante de um cenário desolador, o Bayern de Munique tentou honrar a camisa. Ter Stegen, nos minutos depois, fez duas defesas cinematográficas para evitar o empate no primeiro tempo.

O Barça voltou sem Luis Suárez, que sentou dores e foi poupado por medidas cautelares. Ao Bayern de Munique, já não importava número de  esquema tático, ou quem guardaria o lado direito da defesa. O time tentou honrar a camisa. Lewandowski, num lindo drible sobre Mascherano,
deixou tudo igual.  Müller, da entrada da área, recolocou os bávaros na frente e fez o público voltar a ter orgulho da equipe.

O relaxamento da equipe catalã ficou evidente na segunda etapa. O Barça parou de jogar e só ficou torcendo para o tempo passar logo para voltar as atenções para o Campeonato Espanhol. Mesmo levando dois, ainda tinha três de crédito. O Barcelona estará em Berlim no dia 6 de junho para tentar o pentacampeonato europeu.

 

 

FICHA TÉCNICA 
BAYERN DE MUNIQUE 3 x 2 BARCELONA

Local: Allianz Arena, em Munique (ALE)
Data e hora: 12 de maio de 2015, às 15h45 (horário de Brasília)
Árbitro: Mark Clattenburg (ING)
Cartão amarelo: Rafinha, Thiago AlcÂntara, Müller (BAY); Rakitic, Pedro (BAR)
Cartão vermelho:

 

Gols: Benatia, 7'/1ºT (1-0); Neymar, 15'/1ºT (1-1); Neymar, 29'/2ºT (1-2); Lewandowski, 14'/2ºT (2-2), Müller, 29'/2ºT (3-2)

BAYERN DE MUNIQUE: Neuer, Rafinha, Benatia, Boateng e Bernat; Xabi Alonso, Lahm (Rode, 22'/2ºT), Schweinsteiger (Javi Martínez, 41'/2ºT), Thiago Alcântara e Müller (Götze, 41'/2ºT); Lewandowski. Técnico: Pep Guardiola.

 

BARCELONA: Ter Stegen, Daniel Alves, Piqué, Mascherano e Jordi Alba; Busquets, Rakitic (Mathieu, 25'/2ºT) e Iniesta (Xavi, 30'/2ºT); Messi, Suárez (Pedro, Intervalo) e Neymar. Técnico: Luis Enrique.

 




...
 
 
 
eXTReMe Tracker