Página inicial
 
Mural de recados
26.05 | Patativa
É verdade Paulo alvinegro excelente o seu comentário você estar de parabéns. ...
26.05 | pedro
Com esses atacantes que aí estão.. #VoltaCandinho. ...
26.05 | MARCOS LEITE
É VERDADE PAULO ALVINEGRO OS 3 GRANDES DE RECIFE TÃO ATOLADO EM DÍVIDAS E AS RÁD ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
06/12/2012
11h50 | esportes - Mundial
Na estreia do chip na bola, Hiroshima vence Auckland na chave do Timão

No primeiro jogo em que a Fifa usou a tecnologia de chip na bola para validação de gols por sensores instalados nas duas balizas, o Sanfrecce Hiroshima, do Japão, levou a melhor sobre o Auckland City, da Nova Zelândia, na manhã desta quinta-feira, na abertura do Mundial de Clubes da Fifa, no Estádio Internacional de Yokohama. A equipe do país anfitrião ganhou por 1 a 0, gol de Aoyama, e se classificou para enfrentar o Al Ahly, do Egito, nas quartas de final, no domingo, às 8h30m (de Brasília), no Estádio de Toyota. O vencedor do confronto enfrenta o Corinthians na semifinal, na próxima quarta-feira, no mesmo horário e local.

Toshihiro Aoyama comemora gol do Hiroshima (Foto: Reuters)Toshihiro Aoyama comemora gol do Hiroshima na estreia do Mundial de Clubes (Foto: Reuters)

A partida também marcou a estreia da Cafusa, bola criada para a Copa das Confederações 2013. Lançada em São Paulo no último sábado no sorteio da competição de seleções, seu nome representa a união das palavras carnaval, futebol e samba.

Na outra chave do Mundial, o Ulsan, da Coreia do Sul, vai jogar contra o Monterrey, do México, domingo, às 5h (de Brasília). O vencedor do confronto encara o Chelsea, dia 13, na próxima quinta-feira, às 8h30m (de Brasília) na outra semifinal.

Comemoração com coreografia de pescaria

Toshihiro Aoyama comemora gol do Hiroshima  (Foto: Reuters)Aoyama marca e simula pescaria (Foto: Reuters)

Melhor tecnicamente, o time japonês dominou o primeiro tempo e teve boas chances de gol. A mais perigosa foi com o habilidoso Koji, que era o encarregado por armar as jogadas. Aos 20, o camisa 7 aproveitou um rebote da zaga e chutou forte, mas Willians fez bela defesa.

A superioridade japonesa permaneceu na etapa final. Logo aos seis minutos, Yojiro assustou o goleiro Willian mais uma vez, acertando uma bomba na trave. De tanto pressionar, o Sanfrecce Hiroshima conseguiu marcar aos 21. Aoyama arriscou de longe e encobriu o goleiro, contando com uma certa colaboração do camisa 1. Na comemoração, o autor do gol simulou que estava pescando. Um companheiro caiu no chão se debatendo como se fosse um peixe e, depois, acabou carregado pelos companheiros.

Com a vantagem, o  técnico Moriyasu colocou mais um volante em campo e segurou o resultado. Ainda assim, quase ampliou. Aos 39, Moriwaki acertou o travessão. Mas não precisava de mais. A classificação já estava garantida.


.
 
 
 
eXTReMe Tracker