Página inicial
 
Mural de recados
15.12 | Fabio
Sorteio da Copa do Brasil: Santos/AP x Sport Fluminense de Feira/BA x Santa ...
15.12 | Patativa
Foi no lacerdao hoje e fiquei impressionado com o péssima qualidade do gramado,m ...
15.12 | KLEO
CARLOS, TU ALÉM D SER PESSIMISTA, SÓ PENSA NEGATIVO, DIFERENTE DE MIM Q SOU OTIM ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
19/01/2012
21h41 | esportes - Futebol
Cabañas voltará a jogar futebol dois anos depois de levar tiro na cabeça

O atacante Salvador Cabañas confirmará seu retorno ao futebol nesta sexta-feira, dois anos depois de ter levado um tiro na cabeça - incidente que o obrigou a deixar os gramados. O jogador será apresentado pelo 12 de Octubre, clube em que iniciou a carreira em 1998. A notícia foi confirmada pela família Cabañas e por Luis Salinas, presidente do clube.

- Salvador Cabañas recebeu alta médica e será apresentado amanhã - afirmou Salinas à Rádio 970 AM.

Dionisio Cabañas, pai do atacante, disse à rádio paraguaia que ficou surpreso com a notícia. Maria Alonso, a esposa do atacante, também se manifestou.

- Estamos todos muito felizes. O médico deu alta e queremos começar por baixo - explicou ao jornal "Última Hora", referindo-se à escolha pelo 12 de Octubre, que disputa a Segunda Divisão do Paraguai.

No dia 25 de janeiro de 2010, Cabañas estava em um bar acompanhado da esposa e de amigos quando, ao ir ao banheiro, foi abordado por um homem, que efetuou o disparo em uma suposta tentativa de assalto - o que não foi confirmado pelos policiais. O motivo mais cogitado no México seria uma discussão por causa do futebol. Principal suspeito, José Balderas Garza, conhecido como JJ, já está preso e também é acusado de ter participado de outros crimes.

A recuperação surpreendeu os médicos e em agosto do ano passado, o paraguaio voltou a disputar uma partida em um amistoso entre América do México e a seleção paraguaia - o atacante jogou um pouco com cada equipe. Cerca de 15 mil pessoas estiveram presentes.


.
 
 
 
eXTReMe Tracker