Página inicial
 
Mural de recados
27.06 | A verdade nua e crua
Fiquei sabendo que o Sousa entrou em campo irregular e clube será punido com a p ...
27.06 | Patativa
Carlos meu amigo alvinegro não perca seu tempo com esses palhaços que querem ver ...
27.06 | Carlos
O verdade nua e crua diga seu nome vc tem medo a merda que vc falou foi tão gran ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
08/07/2011
19h10 | esportes - FUTEBOL INTERNACIONAL
Com tropeços da Argentina, Mano diz que Copa América não tem favorito

Até então apontados como favoritos para vencer a Copa América, Argentina, Brasil e Uruguai ainda não convenceram no torneio continental. Enquanto os hermanos, donos da casa, empataram duas vezes, contra Bolívia (1 a 1) e Colômbia (0 a 0), o time canarinho e a Celeste tropeçaram nas estreias, diante da Venezuela (0 a 0) e Peru (1 a 1), respectivamente. Na opinião do técnico Mano Menezes, os melhores da competição só seriam conhecidos com o passar dos jogos.

De acordo com o comandante canarinho, o torneio tem se notabilizado pelo equilíbrio de forças no continente. E o maior exemplo foi a Copa do Mundo de 2010, disputada na África do Sul.

- Disse que o decorrer da competição apontaria os favoritos. Você pode apontar antes do início do torneio a Argentina pelo fator local, pela história, pela qualidade dos jogadores. Mas somente a competição mostraria com clareza quem seriam os favoritos até o final. Com as primeiras rodadas jogadas, nós temos uma Copa América aberta. E se confirma o que eu disse que teríamos uma paridade maior, observando o nível da Copa do Mundo e o trabalho que cada uma tem feito – analisou.

Mano comentou o novo tropeço da Argentina na Copa América. Após o empate por 1 a 1 com a Bolívia na estreia, os hermanos voltaram a ficar na igualdade no duelo contra a Colômbia (0 a 0). Agora, os donos da casa precisam vencer a Costa Rica na última rodada para se classificar para as quartas de final. Para o treinador brasileiro, todos vão encontrar dificuldades até o fim do torneio.

- Tudo depende dos jogos, do que o adversário faz durante as partidas. Foi o que ocorreu no primeiro jogo do Brasil e da Argentina. Agora temos uma segunda rodada, a Argentina voltou a encontrar dificuldades. Eles estiveram mais perto da derrota do que da vitória. Mas não podemos esquecer a Colômbia, que fez um grande jogo. A partir de agora, nós vamos pensar no Brasil. Temos que fazer um jogo melhor mesmo tendo um adversário melhor. Gosto da responsabilidade compartilhada e vejo no Paraguai uma equipe que pode compartilhar essa responsabilidade com o Brasil – disse o comandante.

Nesta sexta-feira, às 16h (de Brasília), a Seleção Brasileira vai treinar no estádio Mario Kempes, em Córdoba, local do duelo de sábado, contra o Paraguai, pela segunda rodada da Copa América. A partida no sábado, às 16h, terá transmissão ao vivo da TV Globo, do Sportv e do GLOBOESPORTE.COM. O site também acompanha o duelo em Tempo Real.


.
 
 
 
eXTReMe Tracker