Página inicial
 
Mural de recados
23.04 | Patativa
Será que os dirigentes do Salgueiro administram o clube tal como os do Central, ...
23.04 | Alvinegro
Deixa de criticar em vem pra luta também,ninguém administra tantos problemas soz ...
23.04 | Paulo alvinegro
Gostaria de deixar bem claro que tem um indiota mandando mensagens para este blo ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
12/04/2011
18h49 | esportes - FUTEBOL INTERNACIONAL
Manchester vence de novo e avança às semifinais
Triunfo de 2 a 1 sobre o Chelsea manteve a invencibilidade dos Red Devils no Old Trafford

Depois de perder a primeira partida, em casa, por 1 a 0, o Chelsea precisava vencer o Manchester United por dois gols de diferença para seguir na Liga dos Campeões da Uefa, mas acabou sendo derrotado novamente, desta vez por 2 a 1, e deu adeus ao sonho de conquistar o inédito título europeu.

 

Precisando marcar fora de casa a qualquer custo, os Blues começaram pressionando, assim como os Red Devils. Durante os primeiros 30 minutos, a bola praticamente não parou de rolar, e foram sete finalizações.

Sem parecer querer encerrar seu jejum de gols, Fernando Torres fez uma péssima partida. O espanhol passou o primeiro tempo perdido em campo, deixando o Chelsea praticamente com um homem a menos. Em compensação, Anelka era o responsável pelas melhores jogadas do time visitante. Na mais perigosa delas, o francês arrancou e tentou passar por Van der Sar, mas acabou sendo desarmado pelo goleiro holandês fora da área.

A cada jogada de ataque do Chelsea, o Manchester respondia com um contra-ataque à altura. Chicharito Hernández ainda teve um gol anulado por impedimento antes de abrir o placar para o United, aos 43 minutos, completando com o pé esquerdo cruzamento na medida de Giggs.

Precisando de dois gols para garantir a classificação, o técnico Carlo Ancelotti sacou o apático Torres para colocar Drogba em campo no intervalo. A alteração melhorou a movimentação do Chelsea em campo, mas o ataque visitante continuou ineficiente.

A expulsão de Ramires aos 24 minutos da segunda etapa, depois de receber o segundo cartão amarelo, complicou ainda mais a difícil missão dos Blues. Com um homem a menos e em desvantagem no placar, o Chelsea partiu para o tudo ou nada.

Drogba, que saiu do banco para se tornar o melhor jogador do Chelsea na partida, igualou o marcador aos 32 minutos, depois de matar no peito um lançamento perfeito, girar e finalizar forte, sem chances para Van der Sar. No entanto, mal acabou a comemoração do time visitante, Park recebeu passe preciso de Giggs em jogada rápida do United e recolocou os Reds Devils em vantagem menos de um minuto depois do gol do marfinense.

No único confronto teoricamente ainda em aberto, depois das goleadas de Schalke, Real Madrid e Barcelona sobre, respectivamente, Inter de Milão, Tottenham e Shakhtar Donetsk, o Manchester United conseguiu superar mais uma vez o rival Chelsea e está garantido nas semifinais da Liga dos Campeões 2010/2011.

FICHA TÉCNICA:

MANCHESTER UNITED 2 X 1 CHELSEA

Estádio: Old Trafford, Manchester (ING)
Data/hora: 12/4/2011 - 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Olegário Benquerença (POR)
Cartões amarelos: O´Shea, Evra (MAN); Ramires, Malouda, Terry (CHE)
Cartões vermelhos: Ramires, 24'/2ºT (CHE)
GOLS: Chicharito Hernández, 43'/1ºT (1-0); Drogba, 32'/2°T (1-1); Park, 32'/2°T (2-1).

MANCHESTER UNITED: Van der Sar, O´Shea, Ferdinand, Vidic e Evra; Nani (Valencia, 30'/2°T), Carrick, Giggs e Park; Rooney e Chicharito Hernández. Técnico: Alex Ferguson.

CHELSEA: Cech, Ivanovic, Alex (Paulo Ferreira, 36'/2°T), Terry e Ashley Cole; Ramires, Essien e Lampard; Anelka (Kalou, 15'/2°T), Torres (Drogba, no intervalo) e Malouda. Técnico: Carlo Ancelotti.

 


.
 
 
 
eXTReMe Tracker