Página inicial
 
Mural de recados
22.04 | Paulo alvinegro arretado
Meus amigos isso não é possivel. Que paz é essa? Isso é inconpetência total. Es ...
21.04 | Paulo alvinegro
Aleluia,aleluia a paz voltou ao central será mesmo vamos aguardar. ...
21.04 | Manoel
AGORA VAI GERA UMA NOVA PESPEQUITIVA NO CENTRAL COM A UNIÃO DA DIRETORIA, SÓ NÃO ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
23/12/2010
10h08 | esportes - FUTEBOL INTERNACIONAL
Cotado para treinar a Inter, Leonardo quer ter Kaká no time, diz jornal

Do UOL 

O técnico brasileiro Leonardo, que já comandou o Milan, está bem cotado para ser o substituto de Rafa Benítez na arquirrival Inter de Milão. E, segundo o jornal italiano Corriere dello Sport, ele já até faz planos para seu novo trabalho, o que inclui um esforço para contar com o brasileiro Kaká, hoje no Real Madrid.

De acordo com a publicação, a ruptura entre a Inter e Benítez é uma questão de horas e deve ser anunciada nesta quinta-feira, após reunião do representante do técnico Manuel García Quilón com a diretoria da Inter.

“Corriere” diz que Leonardo por dar seu primeiro treino na Inter no dia 29 de dezembro e já influiria em contratações na janela de inverno. Contaria com a sua amizade para tentar levar Kaká ao time. O acordo com o técnico é negociado para durar 18 meses, até o meio de 2012.

“Entre os dois (Kaká e Leonardo) há um vínculo a prova de bombas, e a necessidade (da Inter) de encontrar um ponto de referência em campo pode induzir Kaká a forçar uma saída em janeiro dos ‘merengues’”, publicou o jornal, destacando que se não ocorrer neste momento, uma negociação pelo craque brasileiro pode ficar para a janela de meio de ano, completando um desejo de longa data do time italiano.

Sobre a saída de Benítez, o Corriere dello Sport afirma que a Inter deve pagar 4 milhões de euros ao treinador pela rescisão, contanto que ele deixe de fazer declarações polêmicas sobre o clube. O problema entre o espanhol e o presidente Massimo Moratti surgiu logo após o título no Mundial de Clubes, quando Benítez pediu publicamente a contratação de reforços.


.
 
 
 
eXTReMe Tracker