Página inicial
 
Mural de recados
28.04 | Anderson
Esse zagueiro Danilo parece ser um bom jogador para a nossa PATATIVA!!!! ...
28.04 | Gabriel
O Central precisa de um bom plano de marketing, filmar bastidores, como é a roti ...
28.04 | MARCOS LEITE
FALAM DO GRAMADO DO LACERDÃO NO BRASIL INTEIRO TEM GRAMADA ATÉ PIORES Q O LACERD ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
13/09/2011
23h43 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B: De virada, Salgueiro bate o Paraná por 2x1
Clique e Confira...

O Salgueiro obteve sua segunda vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro da Série B. O Carcará bateu o Paraná por 2x1 no estádio Ademir Cunha, em Paulista. Hernani abriu o placar para os curitibanos, enquanto Ricardinho e Edmar viraram para os salgueirenses.

Apesar do resultado positivo, a equipe do treinador Luís Carlos Barbieri continua na 19º posição com 22 pontos a cinco pontos do Guarani, primeira equipe fora da zona de rebaixamento com 27. Já o Paraná permanece em 11º com 31. No próximo sábado o Salgueiro irá visitar o Náutico nos Aflitos, enquanto os paranaenses recebem o Goiás.

O JOGO - Com a responsabilidade de vencer a partida para sair da má fase, Salgueiro e Paraná realizaram uma primeira etapa movimentada. Logo no primeiro minuto de jogo o goleiro Luciano já levava susto após cruzamento vindo da direita da equipe do Paraná.  O Salgueiro respondeu logo em seguida aos seis minutos. Após escanteio cobrado, Alexandre desviou de cabeça para Juninho que mandou na trave do goleiro Luís Carlos.

Apesar da disposição, ambas as equipes eram prejudicas pela condição irregular do Ademir Cunha. Os buracos do estádio impediam o toque de bola com maior qualidade. E o estado do campo acabou por ser o protagonista do primeiro gol do jogo. Após cruzamento ná área, a bola quicou no gramado e enganou a zaga sertaneja. A bola sobrou para Hernani livre de marcação mandar para o fundo das redes do goleiro Luciano e abrir o placar da partida.

No entanto, o carcará não se intimidou com o gol sofrido. Um minuto depois, Ricardinho recebeu a bola dentro da área e arriscou o chute. O goleiro Luís Carlos aceitou. Era o empate do Salgueiro.

Após o empate, a partida caiu um pouco de rendimento. As equipes erravam muitos passes na criação no meio campo. Os autores dos gols, Hernani e Ricardinho, eram os jogadores que mais levavam perigo no jogo. Aos 24 minutos, o paranista recebeu bola na direita e entrou na área, contudo o chute do atacante mandou para fora. Já o salgueirense levou perigo em dois lances seguidos. Aos 34, atacante tentou cruzamento que foi cortado pela zaga. Logo em seguida ele recebeu bola na entrada da área e chutou forte. A bola foi defendida por Luís Carlos. O Paraná assustou no lance seguinte. Aos 37 minutos, Jefferson Maranhão perdeu lance sozinho dentro da pequena área.

No final do primeiro tempo, um principio de confusão entre os jogadores Mateus e Maycom Freitas. O lance foi apaziguado pelo árbitro que encerrou a primeira etapa logo em seguida.

Para o segundo tempo, o Salgueiro sofreu uma baixa importante. Ricardinho, que vinha sendo o melhor jogador do carcará, saiu lesionado para a entrada de Fabrício Ceará.

As duas equipes voltaram com a mesma disposição. Contudo, a equipe sertaneja jogava melhor criando os melhores oportunidades. Aos oito minutos, Alexandre recebe bola disputada na área e chuta, no entanto, o zagueiro exagerou na força e mandou para fora, perdendo a melhor chance de todo jogo.

O Salgueiro seguia melhor. Aos 16 minutos, Fabrício Ceará tocou de cabeça, após cruzamento vindo da esquerda. A bola passou perto do gol paranista assustando o goleiro Luís Carlos.

O Paraná sentiu a pressão do Salgueiro e passou a adotar uma postura mais defensvia na partida. A equipe de Curitba procurava explorar os contra-ataques, sem contudo, obter sucesso. O jogo outra vez caia de rendimento e caminhava para o empate.

Até que aos 42 minutos, o Carcará foi recompensado pela maior insistência.Piauí cruzou para Fabrício Ceará que tocou de cabeça para Edmar marcar o gol da virada salgueirense. O Paraná ainda tentou empatar em seguida, mas não havia tempo para reação.

Ficha do Jogo:

Salgueiro: Luciano; Matheus, Juninho, Alexandre e Piauí; Pio, Josa, Renê e Paulo Santos(Clebson); Ricardinho(Fabrício Ceará) e Marabá(Edmar). Técnico: Luís Carlos Barbieri.

Paraná: Luís Carlos; Marquinho, Amarildo, Brinner e Lima; Maycon Freitas, Dionísio(Everton Garrone), Douglas Packer e Dinelson(Serginho); Jefferson Maranhão e Hernani. Técnico: Ageu Gonçalves (interino).

Local: Estádio Ademir Cunha, em Paulista.. Árbitro: Cleisson Veloso Pereira (MG). Assistentes: Frederico Soares Vilarinho (MG) e Oberto da Silva Santos (PB). Gols: Hernani aos 17 minutos do primeiro tempo para o Paraná; Ricardinho aos 18 do primeiro e Edmar aos 42 do segundo para o Salgueiro. Amarelos: Matheus, Josa, Maycom Freitas e Luciano. Público: 3523.

Do Blog do Torcedor 


.
 
 
 
eXTReMe Tracker