Página inicial
 
Mural de recados
28.06 | ojuara
CONCORDO NELHOR PAGAR SAFADAO DE QUE INVESTIR NESSE CLUBE SAFADO DE LADROES PORQ ...
28.06 | Paulo Junior
Parabéns pela atitude dos torcedores do Central em dividir o dinheiro com os fun ...
27.06 | Carlos
Eu acho que esse verdade nua e crua tem problemas mentais ele fica pensando,pens ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
10/06/2011
10h01 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B: Paraná x Salgueiro - O voo mais alto do carcará
Clique e confira!

Redação Giro dos Esportes 

Da Folha de Pernambuco 

No momento em que o Carcará pousou em terras paranaenses, uma certa “tremedeira” tomou conta do elenco sertanejo. Apesar do jogo de hoje, às 21h, contra o Paraná, ser considerado difícil, não foi bem o medo que despertou esta sensação nos jogadores do Salgueiro. O fato é que a equipe, acostumada a treinar sob o escaldante sol do Sertão pernambucano, teve de ir se acostumando com uma nova realidade, no Sul do País: o frio. Os quase cinco graus Celsius, que teimam em figurar nos termômetros de Curitiba, podem até não fazer gols, mas promete atrapalhar bastante a equipe, no Estádio Durival de Britto.

“Rapaz! Logo quando chegamos ao aeroporto, já sentimos o peso do frio. Amanhã (hoje), no jogo, é bom o pessoal se esquentar. Caso contrário, vai todo mundo congelar em campo”, brincou o treinador Neco, que logo depois fez questão de tranquilizar a torcida. “Apesar de muitos jogadores do grupo só terem jogado na nossa região, eles não vão sentir tanto assim. Na hora do jogo, o sangue esquenta”, disse.

Se isso vale para o time titular, o meia Clebson tratou de confirmar o mesmo para quem vai assistir ao jogo no banco. “A adrenalina é a mesma. O frio está grande. Mas a vontade de vencer tem de ser superior”, falou. “Mesmo assim, vamos procurar nos movimentar bastante, mesmo de fora”, completou o meia, que deve ser uma peça confirmada para entrar durante o confronto.

No treino de ontem, no Centro de Treinamento do Atlético/PR, Neco fez o último coletivo para o jogo. A dúvida permanece na proteção de zaga, entre Diego Paulista e Wendel. Mas o então favorito ao posto parece ter perdido a preferência. Sem divulgar nada, o treinador deixou escapar que deve usar Wendel, pelas características do atleta. “Ele faz perfeitamente a função de Pio, como primeiro volante. Já Diego (Paulista), eu prefiro na saída de bola. No entanto, nada está definido”, afirmou o Neco.

Paraná
Com a demissão do técnico Ricado Pinto, o Paraná quer lo­go mostrar serviço sob o comando do novo treinador Roberto Fonseca. Para o confronto diante do Salgueiro, o coman­dante já promove as entradas do zagueiro Amarildo, do volante Everton Garroni e do atacante Giancarlo. 

Ficha Técnica

 

ParanáxSalgueiro
Fase
Única
Rodada
Data
10/06/2011
Horário
21h00
Local
Vila Capanema , em Curitiba
Árbitro
Fabrício Neves Corrêa-RS

Assistentes
José A. Chaves Franco Filho-RS e José Javel Silveira-RS

Paraná

Zé Carlos; 
Lisa, Cris, Amarildo e Luciano Castan (Henrique); 
Júnior Urso, Éverton Garroni, Wellington e Jéfferson Maranhão; 
Kelvin e Giancarlo.

Técnico: Roberto Fonseca

Salgueiro

Marcelo; 
Marcos Tamandaré, Henrique, Alemão e Piauí; 
Wendel, Edu Chiquita, Mateus e Edmar (Clebson); 
Fernando e Fágner.

Técnico: Neco


.
 
 
 
eXTReMe Tracker