Página inicial
 
Mural de recados
10.12 | paulo
A SERIE D NAO RENDA NADA MUITO PELO CONTRARIO DA MUITO PREJUIZO MEUS AMIGO FOI I ...
09.12 | Rubro Negro
Campeão com mérito? Como assim,série B de 86 tem um monte de time q se intitula ...
09.12 | CLEO
pra ajudar o central< temos q se associar, tem 3 categoRIas de SÓCIOS PRAS 3 CLA ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
04/06/2011
18h45 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B: Salgueiro 2x0 Duque de Caxias - Carcará volta a jogar bem e vence a primeira na competição
Apoio: CENTER COLOR


Julio Jacobina/DP/D.A Press

 

 

Valente, o Salgueiro conquistou a priveira vitória da sua história no Campeonato Brasileiro da Série B, na tarde de ontem, jogando contra o Duque de Caxias, no estádio Ademir Cunha, no Paulista. Em um jogo tecnicamente fraco, prevaleceu a disposição da equipe sertaneja, que foi mais ofensiva e eficiente durante o jogo e aproveitou as limitações da equipe fluminense para fazer 2 x 0, com Fágner e Clebson - na primeira e segunda etapa de jogo, respectivamente. O resultado bom resultado, mais uma vez com o apoio de um bom número de torcedores, fez o Carcará permecener invicto na competiçaõ e encostar nos primeiros colocados da competição. 

Desde os primeiros minutos, o Salgueiro já mostrou que iria se lançar em busca da primeira vitória na Série B. Aos 3 e aos 6 minutos, Fágner e Piauí chutaram com perigo dando o cartão de apresentação do time sertaejo. Já o Duque, mais cauteloso, preocupava-se mais em se defender e tentar sair nos contra-ataques. Sermpre sem muito perigo. Marcando bem e saindo com velocidade pelas alas, o Carcará chegou ao gol aos 20 minutos, em uma belíssima triangulação. Fernando tocou de letra para Marcos Tamandaré. O estreante da tarde foi à linha de fundo e deixou Fágner livre para escorar para o gol vazio: 1 x 0. 

No minuto seguinte, por muito pouco o Salgueiro não ampliou o placar. O lateral-esquerdo Piauí cruzou, o goleiro saiu mal e Fernando chutou sem goleiro. A bola estourou em cima do zagueiro Santiago, que salvou pela primeira vez. No rebote, Fágner tentou novamente e, pelo segunda vez, Santiago salvou em cima da linha. A equipe fluminense só chegou com perigo aos 27 minutos, quando o meia Erick Flores cruzou, a bola desviou na zaga do Carcará e tocou na trave. Até o fim da primeira etapa, o jogo seguiu mais truncado, com muitos erros de passes de ambos os times e sem qualquer maiores chances de gols.

Na segunda etapa, o jogo recomeçou morno. Em desvantagem, o Duque arriscava mais, porém esbarrava no bom sistema defensivo armado pelo técnico do Salgueiro, Neco. Ainda assim, os fluminenses chegaram com perigo em dois momentos. Aos 6 minutos, Galvão deixou Somália de frente para o gol. O ex-atacante do Náutico, no entanto, chutou em cima de Marcelo. Aos 20, foi a vez do próprio Galvão cabecear com perigo. 

Armado para jogar nos contra-ataques, o Carcará chegou ao gol que sacramentou a vitória aos 39 minutos. O meio-campista Clébson, que havia entrado há pouco no jogo, bateu uma falta com perfeição, no ângulo esquerdo do goleiro Fernando: Salgueiro 2 x 0. Agora, o Carcará irá até Curitiba, onde enfrentará o Paraná, no próximo sábado. 


Ficha técnica

Salgueiro
Marcelo; Marcos Tamandaré, Henrique, Alemão e Piauí; Pio, Josa, Mateus e Edmar (Clebson); Fágner e Fernando (Juninho Cearense). Técnico: Neco.

Duque de Caxias
Fernando; Léo, Bruno Costa, Santiago e Paulo Rodrigues; Tony, Júlio Cesar, Leandro Teixeira e Galvão (Juninho); Erick Flores e Somália. Técnico: Alfredo Sampaio.

Local: Estádio Ademir Cunha, no Paulista. Árbitro: Marielson Silva (BA). Assistentes: Clístenis Alves (RN) e Vinicius de Lima (RN) Gols: Fágner e Clebson (S). Cartões amarelos: Edmar (S); Erick Flores, Tony, Léo e Leandro Teixeira (DC). Público: 6.557. Renda: R$ 51.849.

 


.
 
 
 
eXTReMe Tracker