Página inicial
 
Mural de recados
26.06 | VITOR HUGO
FORAM ELIMINADOS O SERGIPE MAIOR TORCIDA DO ESTADO, ITABAIANA A MAIOR DO INTERIO ...
26.06 | Aldery
Tudo deu errado como sempre para o Central! Desfalques e má atuação de alguns jo ...
26.06 | MARCOS LEITE
O CENTRAL TÁ GARANTIDO NA SÉRIE D 2018, AGORA TEM Q MUDAR A DIRETORIA, E FAZEREM ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
19/10/2010
11h42 | esportes - SALGUEIRO
(SALGUEIRO) - Ampliação do estádio Cornélio de Barros em pauta.
Na quinta-feira, o secretário de esportes, George Braga, o prefeito de Salgueiro, Marcones Sá, e representantes do clube e da Federação Pernambucana de Futebol se reúnem na cidade para discutir o processo embrionário das reformas.

Por Elias Roma Neto
Do Jornal do Commercio

Com o acesso do Salgueiro à Série B e a exigência de um estádio com uma capacidade de, pelo menos, 10 mil pessoas para disputar a competição, as autoridades se mobilizam para viabilizar a ampliação do estádio Cornélio de Barros. Na quinta-feira, o secretário de esportes, George Braga, o prefeito de Salgueiro, Marcones Sá, e representantes do clube e da Federação Pernambucana de Futebol se reúnem na cidade para discutir o processo embrionário das reformas.

"Em princípio não dá para se falar de prazos, pois o prefeito só tem o de arquitetura. Vamos analisar se está adequado, nos padrões (da CBF), e como será a ampliação, se para dez mil ou mais", declarou George Braga, que recepcionou o time no Aeroporto dos Guararapes, ontem.

Para o prefeito, a preocupação será quanto aos jogos do Campeonato Pernambucano. "Teremos de contar com o apoio da Federação no momento em que estivermos reformando, para podermos jogar e contar com nossa torcida em uma parte do estádio, enquanto a outra passa pela reforma", defendeu.

O governador Eduardo Campos também garantiu a ampliação. "Salgueiro vai ter um estádio. Já falei com o prefeito. O estádio é municipal. Vamos receber o projeto da cidade e entrar com os recursos. Eles ganharam em campo e nós temos que fazer fora de campo a nossa parte", prometeu.

O presidente do Salgueiro, José Guilherme, também já falou sobre os próximos jogos pela Série C. Como o Carcará já não poderá atuar no Cornélio de Barros, existe a possibilidade de as partidas serem disputadas no Recife ou em Caruaru. A situação deve ser definida essa semana, mas a preferência é pela capital pernambucana. A primeira partida da semifinal contra ABC-RN ou Águia-PA deve acontecer no dia 30. A ordem dos jogos será definida por sorteio.

"Os presidentes dos três clubes me ligaram dando os parabéns e se colocaram à disposição para ajudar", destacou José Guilherme.

CARECAS

A vitória épica sobre o Paysandu garantiu não só a vaga inédita à Série B do Campeonato Brasileiro, como também uma mudança no visual dos jogadores do Salgueiro. Isso por conta da promessa do elenco de raspar o cabelo em caso de acesso. No entanto, nem todos cumpriram o prometido. Pelo menos por enquanto. Entre os que rasparam a cabeça ainda em Belém estavam o goleiro reserva Luciano, o zagueiro Nei Carioca, o volante Edu Chiquita e o atacante Fágner. Até o presidente de honra do clube, Clebel Cordeiro, voltou para casa careca. "É coisa de outro mundo sentir isso. Foi um grande jogo e conseguimos o acesso para essa torcida", sintetizou Fágner.

No entanto, alguns preferiram manter o visual. Entre eles, o meia Clébson, dono de uma vasta cabeleira. "Isso aí é só pra quem falou. Eu nunca falei nada, então não vou cortar", avisou.

 


 


.
 
 
 
eXTReMe Tracker