Página inicial
 
Mural de recados
25.04 | Jose Helio Pessoa
DODEIRO NÃO ATRAPALHA....O CENTRAL SÓ NÃO É MAIOR DO QUE SUA LOUCURA...TIRAR LI ...
25.04 | Patativa
Que time é esse em ? O vexame vai ser pior do q do ano passado jogadores que nun ...
25.04 | Patativa
Quem tem que sair é esse bodeiro que nunca fez nada pelo central e só faz atrapa ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
02/10/2014
10h00 | esportes - PE 2015
Proposta da FPF para o Campeonato Pernambucano 2015 divide opiniões dos clubes
CLIQUE E CONFIRA.
Matéria do Super Esportes 
O pontapé inicial do Campeonato Pernambucano 2015 será dado na próxima segunda-feira, com a realização do Conselho Arbitral que irá definir o regulamento da competição. E com ele deve acontecer a primeira confusão do Estadual. 11 dos 12 representantes dos clubes e a maioria não se mostrou a favor da proposta inicial da Federação Pernambucana de Futebol, que será apresentada na reunião e que é semelhante a aplicada na edição deste ano. A diferença diz respeito a participação do Santa Cruz.

Isso porque, pela proposta da FPF, o clube coral, mesmo não participando da Copa do Nordeste,  entraria diretamente no hexagonal final, juntamente com Sport, Náutico e Salgueiro, que disputarão o regional. Essas equipes já estariam automaticamente livre do rebaixamento. Já o primeiro turno do Pernambucano, que teria início já em dezembro, seria disputado por oito clubes (Central, Porto, Ypiranga, Serra Talhada, América, Pesqueira, Atlético Pernambucano e Vera Cruz) e classificará apenas duas equipes para o segundo turno, e não três como ocorreu este ano. Os seis restantes disputariam o hexagonal do rebaixamento.

A FPF se apoia em uma determinação da CBF, que obriga, a partir de 2015, que os clubes que disputaram as Série A e B do Campeonato Brasileiro só comecem a atuar na temporada a partir de fevereiro. Porém, a argumentação parece não convencer alguns clubes. América, Central, Serra Talhada e  Salgueiro já se colocaram contra a proposta. Já Náutico e Sport acreditam em um favorecimento ao Santa Cruz, mas acreditam que a ideia será aprovada, enquanto os outros intermediários preferiram ficar “em cima do muro”.  Apenas a diretoria tricolor se mostrou completamente favorável.

Uma das maiores criticas veio do presidente do Salgueiro, Clebel Cordeiro. “Essa proposta não vai passar. Durante a Copa tivemos um mês sem competições e eu dei férias ao meu elenco. Se alguns clubes não se organizaram, o problema não é meu. O Santa Cruz tem que participar dessa primeira fase, como Salgueiro disputou este ano”, afirmou.

 

 

Julio Jacobina/DP/D.A Press


O que pensam os clubes

Contra a proposta da FPF

Salgueiro
“O Santa Cruz tem que disputar o primeiro turno. Que ele use o time reserva ou o sub-20. O risco do rebaixamento não tem que ser apenas dos pequenos”, Clebel Cordeiro, presidente.

América
“Sou a favor do princípio da isonomia, que é o tratamento igualitário para todos. Não é porque o Santa Cruz foi várias vezes campeão que pode ser tratado diferente”, Celso Muniz, presidente.

Central
“A FPF tem que olhar as condições financeiras já que a competição sem o Santa Cruz no primeiro turno não tem atrativos. Se a FPF não bancar as taxas, o Central não tem como participar”, Francisco Noé, presidente.

Serra Talhada
“O Santa Cruz não conseguiu vaga na Copa do Nordeste e o fato dele estar na Série B não dá pre-requisito para ele entrar já no 2º turno. Também sou a favor de transformar o hexagonal do 2º turno em um octagonal”, José Raimundo, presidente.

 

 


Em cima do muro
Porto
“Não estou sabendo de nada oficialmente. Quero conversar com os outros clubes para saber se há outras propostas”, Jose Porfírio, presidente.

Ypiranga
“Não posso dar uma opinião agora. Temos que sentar com os outros clubes e discutir”, José Nelson, vice-presidente

Vera Cruz
“Fui pego de surpresa. Tenho que sentar e analisar friamente”, Fernando José, presidente.

Atlético Pernambucano
“Qualquer opinião agora seria precipitada. Estamos entrando agora no campeonato, somos o caçula. Por isso temos que, antes de qualquer coisa, ouvir as opiniões dos demais”, Alberto Lisboa, conselheiro.

A favor, "pero no mucho"

 

 

Sport
“Concordar, não concordamos. Mas não tem muito o que fazer por causa da circular da CBF, que só autoriza os clubes que disputaram as Série A e B começar a jogar em fevereiro”, Fred Domingos, representante na FPF.

Náutico
“Existe um favorecimento a um afiliado (Santa Cruz), mas essa é a melhor fórmula no momento”, Glauber Vasconcelos, presidente.

A favor

 

 

Santa Cruz
“A princípio a proposta agrada. Existe uma regulametação da CBF que veda a disputa dos times das Séries A e B antes de fevereiro e não pode ser desrespeitada”, Constantino Júnior, diretor de futebol.

 

A reportagem não conseguiu contato com o presidente do Pesqueira, Uênio Thyago



...
 
 
 
eXTReMe Tracker