Página inicial
 
Mural de recados
19.09 | cleo
QUARTA DIA 20 , AS 16HS NO ANTONIO INÁCIO PORTO X DECISÃO D BONITO, VAMOS GANHAR ...
18.09 | MARCONDES
O PORTO MOSTROU Q TRABALHO E ORGANIZAÇÃO DÃO BONS FRUTOS, ESPERO Q O CENTRAL SE ...
18.09 | MARCOS LEITE
PARABENS O PORTO FEZ BARBA E CABELO COMO SE DIZ NA GIRIA DO FUTEBOL, GANHOU SÁBA ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
03/04/2014
07h46 | esportes - PE 2014
PE 2014 - SEMIFINAL -> Salgueiro bate o Náutico por 2 a 0 e abre boa vantagem na semifinal
Clique e Confira.
No encontro do time com a melhor campanha com o da pior campanha entre os semifinalistas do Pernambucano, o Salgueiro conseguiu reverter a vantagem do Náutico. Com a diferença técnica entre as equipes nivelada pela péssima condição do gramado do Cornélio de Barros, o Carcará voltou a mostrar sua força em casa e bateu os alvirrubros por 2 a 0. Com o resultado, os sertanejos podem perder o jogo da volta por qualquer placar e ainda assim disputar a inédita vaga na final nos pênaltis.

Com o gramado do Cornélio de Barros duramente prejudicado pela chuva que caiu em Salgueiro durante quase toda a noite anterior, a qualidade técnica do confronto caiu vertiginosamente. O cenário levava os adversários a optarem por lançamentos de média distância e cruzamentos em jogadas de linha de fundo. E foi justamente em um lance assim que o Carcará abriu o placar.

Ainda que não contasse com Fabrício Ceará, lesionado, o Salgueiro tinha um substituto à altura. Depois de boa arrancada pela direita, Marcos Tamandaré cruzou no segundo pau, na cabeça de Everton. Apesar da boa defesa de Alessandro, o rebote parou nos pés do próprio Everton, que emendou de direita para deixar os sertanejos em vantagem. O confronto seguiu equilibrado durante o restante do primeiro tempo, com o Náutico explorando bastante as laterais do campo. Em contrapartida, a postura cedia espaço para que o Carcará assustasse o Timbu em contra ataques.

Com cinco desfalques importantes, o técnico Lisca enfrentava dificuldades para mudar o cenário do confronto. Porém, diante das particularidades do regulamento do Estadual, o comandante alvirrubro decidiu tornar sua equipe mais ofensiva, promovendo as entradas dos recém-contratados Careca, Vinícius e Geovane. Com as mudanças, o Náutico até cresceu na partida e esteve bem perto de empatar numa cabeçada de Vinícius. Mas foram os sertanejos quem aproveitaram o novo cenário. Aproveitando a desatenção da zaga do Timbu num contra ataque, Kanu aproveitou cruzamento para acertar um belo chute rasteiro e decretar a vitória do Carcará.


Salgueiro
Luciano; Marcos Tamandaré, Aylton Alemão, Ricardo Braz e Pery; Pio, Moreilândia, Valdeir e Anderson Paraíba (Rodolfo Potiguar, aos 45' do 2º T); Everton (Vitor Caicó, aos 31’ do 2º T) e Kanu.
Técnico: Cícero Monteiro.

Náutico
Alessandro; Jackson, William Alves, Flávio e Gerley (Careca, aos 25’ do 2º T); Elicarlos, Dê, Roberson (Vinícius, aos 29 do 2º T) e Zé Mário; Paulo Júnior (Geovane, no intervalo) e Marcelinho.
Técnico: Lisca.

Local: Estádio Cornélio de Barros, em Salgueiro.
Árbitro: Sebastião Rufino Filho (PE).
Assistentes: Clóvis Amaral (PE) e Bruno César Vieira (PE).
Gols: Everton (aos 24’ do 1º T) e Kanu (aos 37’ do 2º T)
Cartões amarelos: Ricardo Braz (Salgueiro), William Alves e Zé Mário (Náutico)
Público: 8.902.
 
Do Super Esportes

.
 
 
 
eXTReMe Tracker