Página inicial
 
Mural de recados
25.07 | Patativa
Respondendo esse rapaz chamado franco,sou torcedor e sócio do central desde 1986 ...
25.07 | MARCOS LEITE
O CENTRAL TEM Q FAZER LOGO A ELEIÇÃO, PRA SE ESTRUTURAR PRA 2018 Q JÁ TÁ GARANTI ...
25.07 | luciano
pra resolver o problema do central, não é preciso fechar as portas , e sim os só ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
11/03/2014
18h29 | esportes - NORDESTÃO
NORDESTÃO -> Polícia Militar promete maior rigor contra vândalos no jogo entre Sport e Santa Cruz
Clique e Confira.
Mais policiais nas ruas e menos tolerância com os vândalos. Essa é a promessa da Policia Militar de Pernambuco para o clássico desta quarta-feira entre Sport e Santa Cruz, na Ilha do Retiro, pela partida de ida das semifinais da Copa do Nordeste. Após reunião realizada nesta terça-feira no quartel da PMPE, no Derby, foi definido um efetivo de 720 policiais para a partida, 41 a mais que o contigente escalado para o jogo da última semana entre rubro-negros e tricolores, marcado por confronto entre integrantes das principais organizadas dos dois clubes, antes e depois da partida.

Além disso, a ideia é prender o maior número de infratores possíveis. Para isso, ao invés de viaturas, os policiais utilizarão 15 microônibus para efetuar as prisões. No último clássico, apesar dos inúmeros atos de vandalismo em pontos como Praça do Derby, Avenida Conde da Boa vIsta e Cais de Santa Rita, apenas dez pessoas foram detidas e liberadas logo em seguida.

"Queremos prender o máximo de causadores de confusões que for possível. Além do aumento do número de policiais, vamos melhorar o nosso esquema de segurança. Teremos 205 policiais atuando na área interna do estádio e 515 na área externa. Fora os policiamentos das áreas, como as patrulhas dos bairros. Além disso, após a partida, um quarto dos policiais que fizeram a segurança dentro do estádio será deslocado para os arredores. Vamos ter também atenção redobrada nos pontos onde houveram conflitos na semana passada e também nos terminais de ônibus. Vamos atuar em um perímetro de aproximadamente 15 quilômetros do estádio", explicou o responsável pela diretoria de policias integradas metropolitanas, coronel João Neto.

Ainda de acordo com o coronel, com o maior número de policiais nas ruas, a ideia é que haja uma maior identificação dos vândalos e com isso, mais prisões. "Em cada microonibus ficarão 10 policiais que levarão os detidos ao Centro de Flagrantes da Policia Civil, que trabalhará com 10 equipes de plantão. Além disso, teremos uma pessoa no centro de comando integrado, que possui câmeras espalhadas por toda a cidade e que nos informarão os pontos onde ocorrerem crises", completou o coronel.
 
Do Super Esportes 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker