Página inicial
 
Mural de recados
19.11 | Pierre Santos
Paulo Alvinegro, com essa federação se trouxer o Barcelona para jogar representa ...
18.11 | CLEO
VERDADE MARCONDES ALÉM DE QUEDA COICE KKKKKKK. ...
18.11 | Paulo alvinegro
Era o ano pra um time do interior chegar lá com o rebaixamento dos três da capit ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
27/12/2012
09h53 | esportes - FUTEBOL PERNAMBUCANO
SPORT, SANTA e NÁUTICO: ´Contratações bomba`, tão comuns no início de temporada, são descartadas por dirigentes pernambucanos
Clique e Confira >>>
É comum, aberta a temporada de contratações, dirigentes prometerem um nome de impacto como reforço. A chamada “contratação bomba”. Pernambuco não foge à regra. Mas neste ano, nem promessa houve. Ainda que os dirigentes corram em busca de novas contratações, as principais estrelas do Estadual e do Nordestão, ao que tudo indica, já estão nos clubes, são remanescentes da temporada anterior.

Na Ilha do Retiro, por exemplo, as perguntas mais comuns entre os torcedores são sobre as situações do lateral Cicinho, do meia Hugo e do atacante Henrique. Três dos destaques do time na campanha fechada com o rebaixamento para a Série B. Os dois primeiros, que têm contrato com o Leão até o final de junho, são aguardados para a reapresentação do elenco, em 3 de janeiro. A situação de Henrique, por sua vez, permanece indefinida. O Leão tenta a prorrogação de seu empréstimo junto ao São Paulo.

Os rubro-negros querem contratar entre oito e dez jogadores. Nenhum deles, porém, deve chegar para mexer verdadeiramente com a torcida. Ontem, a diretoria de futebol esteve reunida durante quase toda a tarde, sem que o primeiro reforço fosse anunciado. A prioridade é a contratação de dois zagueiros e um cabeça de área, mas o Sport procura também um centroavante. Para este posto, estão sendo especulados os nomes de Marcos Aurélio (Internacional), Neto Baiano (Kashiwa Reysol-JAP) e Ricardo Jesus (sem clube).

Situação semelhante à do Náutico. Os alvirrubros anseiam fervorosamente pelos nomes dos reforços. O presidente Paulo Wanderley tratou de esfriar os ânimos. “Muita gente cobra uma contratação de impacto, um jogador bomba. Mas aviso logo que não vai ter isso aqui no Náutico. Vamos trazer atletas para somar. Nenhum maior que o outro”.

Mas isso não quer dizer que os alvirrubros não têm motivos para comemorar. Apesar de algumas peças - como Souza e Rhayner - terem deixado os Aflitos, jogadores fundamentais para o êxito na Série A seguirão no clube. Casos de Jean Rolt, Martinez e Kieza.

O caso mais crítico é o do Santa Cruz. Após a eliminação na Série C, a diretoria resolveu adotar uma política de redução da folha salarial. Assim, alguns dos jogadores que renovaram com o Tricolor, aceitaram diminuir os ganhos em até 50%. Outros, como Dênis Marques, a “bomba” de 2012, deixaram o Arruda. Até agora, a grande notícia para a torcida foi a da permanência do goleiro Tiago Cardoso, que em 2012, passou boa parte da temporada no departamento médico.
 
Diario de PE/Super Esportes 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker