Página inicial
 
Mural de recados
16.10 | VICTOR HUGO
OS 2 CAIXÕES DE PANCADA DA SEGUNDONA, FERROVIARIO DO CABO E CHÃ GRANDE JÁ ESTÃO ...
14.10 | CLEO
EU ACHO Q O PESQUEIRA TEM JOGAR TODO DE AMARELO SÓ O NUMERO AZUL, JÁ TEM MUITOS ...
14.10 | MARCOS LEITE
GUSTAVO, NA SEGUNDONA TEM MUITOS BONS JOGADORES O CENTRAL TEM Q FIK D OLHO COM U ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
14/11/2011
11h37 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B: As chances dos times que disputam o acesso para a Série A
CLIQUE e CONFIRA!!!

Do Blog dos Números 

A Série B do Campeonato Brasileiro de 2011, chega em sua reta final de forma eletrizante. Restando apenas 2 rodadas para o final, nada menos que 7 times ainda brigam por 2 vagas no G-4, grupo dos 4 primeiros colocados que serão promovidos para a Série A em 2012.

Em 12 jogos, incluindo 2 confrontos diretos, estarão decididos os destinos desses times, com cada resultado sendo fundamental para a classificação, sobrevivência ou eliminação de cada um deles.

O Blog dos Números fez um levantamento geral de cada um deles, trouxe as chances estatísticas apresentadas por 3 sites especializados (Departamento de Matemática da UFMG, Chance de Gol e Infobola) e também fez o cálculo matemático puro das possibilidades existentes, envolvendo as 531.441 combinações possíveis (apresentado nas tabelas como “Blog dos Números”). Confiram a seguir o que cada um desses times precisa para festejar:

NÁUTICO

Com 63 pontos, apenas um desastre poderia tirar o Náutico da Série A. O time precisa de apenas 1 ponto para cravar sua vaga definitivamente. Mesmo que não consiga, só pode perder a vaga para o Vitória, isso, caso Ponte Preta, Bragantino e o próprio Vitória vençam suas 2 partidas.

O Timbu conta ainda com a vantagem de ser o único dos 7 times que terá a vantagem de decidir dentro de casa sua classificação. Vale lembrar que o Náutico é o único mandante invicto na competição. O time alvirrubro também não perde há 4 jogos. Por outro lado, terá pela frente 2 confrontos diretos, diante de Boa e Ponte Preta.

Nos 10 últimos jogos, seu desempenho (53,3% de aproveitamento) foi abaixo tanto da campanha da ida (59,6%), quanto da campanha do returno (volta, com 56,9%).Pelos cálculos matemáticos realizados pelo Blog dos Números, apresenta 98,29% de chance de conseguir o acesso

Gráficos: Blog dos Números

PONTE PRETA

Ano passado, depois de fazer a 2ª melhor campanha no “1º turno”, a Ponte Preta despencou na etapa de “volta” e ficou de fora do G-4. Esse ano, parecia que a classificação viria sem sustos, mas a derrota para o Boa deixou o time novamente ameaçado, com apenas 2 pontos de vantagem para o Vitória, atual 5º colocado.

O primeiro desafio será diante do ABC. Com 51 pontos, o time Potiguar ainda corre um pequeno risco de ser rebaixado, mas não deve oferecer tanto trabalho,a depender dos resultados ao longo do sábado , na próxima rodada (19/11). Depois vai a Recife enfrentar o Náutico que pode já estar classificado.Um problema é que o time amarga jejum de 4 partidas sem vitórias na competição, sendo 2 delas dentro de casa.

A queda vertiginosa de rendimento do time pode ser observada pelo rendimento da ida (61,4%), com o da volta (47,1%). Nos 10 últimos jogos, conseguiu ser ainda pior, com tímidos 43,3%. Pelos nossos cálculos, apresenta 77,28% de chances. Para não depender de outros resultados, precisaria vencer os 2 jogos.



BRAGANTINO

O Bragantino vem atropelando na reta final. Quem achava quase impossível que o time chegasse vivo na reta final, atualmente vive um verdadeiro pesadelo. Pudera, pois conseguiu sair da condição de candidato ao rebaixamento (15º colocado na “ida”, com 42,11% de aproveitamento), para ocupar uma vaga no G-4, com a 2ª melhor campanha da volta (66,7% de aproveitamento), com ritmo forte nos últimos jogos (60%).

O time não perde há 10 jogos na competição e como mandante, não sofreu derrota nos últimos 11 duelos. Seu ataque vive um grande momento, marcando gols nas últimas 22 partidas, um feito que nem a Portuguesa conseguiu alcançar na atual temporada.

Os próximos desafios do Braga são um verdadeiro ponto de interrogação. Enfrenta times desesperados para fugir do rebaixamento, como inclusive tem ocorrido nas últimas rodadas, com desfecho bem favorável ao time paulista. Conta com 65,7% de chances, de acordo com nossos levantamentos. Vencendo os 2 jogos, consegue a classificação independente de quaisquer outros resultados.



VITÓRIA

O Vitória, a exemplo do Bragantino, também reagiu na segunda metade da competição, quando apresentou 58,8% de aproveitamento, sendo 60% nos 10 últimos jogos. Chegou inclusive a ocupar uma das vagas do almejado G-4, mas se complicou e apenas resta “secar” seu adversários mais próximos, Bragantino e Ponte Preta. O time não perde há 5 jogos.

Um problema para o Leão Soteropolitano é que encara 2 adversários desesperados na briga contra o rebaixamento: São Caetano e ASA. Dessa forma, o time tanto pode saber se aproveitar do desespero de seus oponentes e passar com tranquilidade pelos 2 jogos, como também trazer para si uma grande dor de cabeça.

O Vitória encabeça a relação dos 4 times que só conseguem a vaga, dependendo do tropeço de seus adversários. Apenas 1 ponto atrás do 4º colocado, o rubro-negro baiano pode se classificar, caso vença seus jogos e um dos seus adversários mais próximos empate pelo menos uma partida. Conta com 43,63% de chances de acordo com as nossas contas.



SPORT

O Leão voltou a jogar bem, conseguiu somar 7 pontos nos últimos 3 jogos, mas ainda precisa contar mais com a sorte para sonhar com uma das 4 vagas. A tabela favorece, uma vez que recebe o tranquilo Paraná e depois encara o rebaixado Vila Nova;

Irregular durante toda a competição, o Sport ainda lamenta tropeços diante de times de menor expressão, bem como tropeços inesperados na Ilha. Os pontos fazem falta, mas o pensamento não pode ser diferente do famoso “bola para frente”.

Na ida, o aproveitamento do Leão foi de 50,88%. Na volta, não mudou muito, chegando aos 50,98%. Nos 10 últimos jogos (apesar da reação recente), quase colocou tudo a perder com pífios 40%. As combinações matemáticas não dão muitas chances ao Leão, apontando apenas 12,87% apesar das estatísticas (com peso diferenciado para os times, aplicando o conhecido favoritismo) se apresentarem um pouco mais otimistas.



BOA

O Boa era praticamente carta fora do baralho. Não que isso não tenha mudado muito, mas a vitória fora de casa diante da Ponte Preta, deixou o time ainda com chances de lutar por uma das vagas, mesmo com 5 pontos de distância para o Bragantino (atual 4º colocado). Para isso, precisa torcer para que o Bragantino não some mais do que 1 ponto nos dois próximos jogos, o Vitória não vença e o Sport não some 6 pontos. O time mineiro venceu seus 2 últimos jogos.

A tabela favorece. Recebe em casa o quase classificado Náutico e depois visita o já rebaixado Duque de Caxias, time de pior campanha na competição.

Na ida, seu aproveitamento foi de 45,6% e melhorou significativamente na volta (52,9%), mas vale ressaltar que nos 10 últimos jogos, o time perdeu o fôlego, com 46,7%. A matemática apresenta 1,98% de chances para o time.



AMERICANA

A espera de um milagre. Para o Americana, não cabe outra definição. O time que esteve maior parte do tempo no G-4 (20 rodadas), perdeu o rumo na parte final da competição, principalmente após a troca de comando técnico do time. Para se ter uma idéia, o time não vence há 9 jogos, não conhecendo vitórias em seus domínios há 6 partidas.

O aproveitamento na primeira metade da competição foi de 52,6% e caiu para 45,1% na reta final. Pior está sendo no atual momento da competição, no qual dos últimos 30 pontos disputados, o aproveitamento foi de apenas 30%. A tabela porém reservou bons adversários na reta final e não será surpresa caso o time some 6 pontos nos 2 últimos jogos.

Pelos levantamentos realizados pelo Blog dos Números, as chances do time conseguir a classificação são de 0,24%.


.
 
 
 
eXTReMe Tracker