Página inicial
 
Mural de recados
29.05 | williams
Parabéns ao Central pela vitoria e a Tv Criativa pela transmissão do jogo, que e ...
29.05 | Davi
Caro chico bela rosa,a questão aqui não é ser pessimista, é a realidade agora pa ...
29.05 | ALCINDO PM
GENTE ...O CENTRAL TEM O TERCEIRO MAIOR PATRIMÔNIO DO ESTADO...AGORA SÓ PRECISA ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
10/06/2011
12h44 | esportes - APOSENTADORIA
Goleiro Gustavo anuncia aposentadoria em texto
Clique e confira!

Redação Giro dos Esportes

Do Blog do Torcedor 

Aos 33 anos, Gustavo, goleiro que jogou nos três grandes clubes do Recife, anunciou que está se retirando dos gramados, escrevendo uma mensagem falando sobre a sua carreira, do início ao fim.

No Sport, o goleiro natural de Uberlândia viveu seu melhor momento no estado, com o título pernambucano em 2006, defendendo o pênalti que garantiu a taça a equipe rubro-negra. Foi também campeão em 2007 pelo Leão. No Santa Cruz e no Náutico, não foi muito bem e, na maioria dessas passagens, foi reserva. Atuou também por Americana, Nacional e Figueirense; neste último, passou várias vezes.

Abaixo, o texto de despedida do goleiro:

Acabei a carreira guardei a fé‏

A vida de todos nós é composta de ciclos que começam e terminam de tempos em tempos, esses períodos vão de breves passando a medianos e outros duram a vida toda, é assim nas diversas áreas que compõem a nossa existência, feliz é aquele que consegue detectar qual o momento de cada ciclo e se dedica ao máximo para cumprir o seu papel nesse processo… É assim nos estudos, nas paixões juvenis, nos casamentos, na criação dos filhos, na nossa área profissional e etc. Já dizia o grande sábio “Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu”.

Pois bem, acredito que chegou o momento de finalizar um ciclo, confesso que não está sendo fácil, mas acredito que cumpri o meu papel. Procurei fazer com intensidade o meu melhor dentro das minhas limitações humanas, obtive conquistas e perdas, descobri que a vitória não é o resultado em si de uma partida, mas sim o ensinamento que tiramos daquela lida.

Talvez não tenha conseguido tudo aquilo que sonhei ao longo da caminhada, desde muito cedo vi que muito dos meus sonhos eram vaidade e projetos egocêntricos, vi que a vida não pode ser vivida só e que a verdadeira realização consiste em compartilhar/beneficiar o coletivo. Embora a tão sonhada independência financeira não fora atingida, conquistei algo que não há dinheiro que compre: Respeito, Carinho e Admiração pela maioria daqueles que viviam a minha volta.

Penso que outras prioridades no momento sejam mais importantes, então fica aqui o agradecimento a todos aqueles que lutaram comigo nesses 20 anos de carreira, foi muito prazeroso e confortante sentir que nós estávamos juntos, se não juntos fisicamente no dia a dia, estávamos ligados no mundo espiritual, fui sustentado pelos seus pensamentos positivos, pelas suas palavras de ânimo e o mais importante pelas suas orações. Obrigado por me carregarem no colo quando eu não tinha forças, todas as minhas conquistas são suas também.

Profissionalmente falando talvez não tenha muito a oferecer em termos de experiência para um novo mercado de trabalho, em compensação sou um papel em branco sem manchas, manias e defeitos pronto a ser preparado e lapidado como uma flecha prestes ao lançamento em direção ao objetivo proposto pelo flecheiro.

Tão motivado quanto saí de casa aos meus 14 anos recomeço um novo ciclo profissional, embora não saiba o que me espera pela frente, sei que serão pequenos estes desafios e obstáculos, diante do ímpeto que me faz seguir em direção ao Alvo.

Jesus morreu e ressuscitou aos 33 anos, sua morte e sua ressurreição estiveram muito próximos, o fim e o começo, a derrota e a vitória. A linha que separa esses dois estágios é muito tênue cabe a nós também não nos entregar sabendo que a perseverança é a chave que abre a porta para as vitórias. Afinal o sofrimento é passageiro, desistir é para sempre.

Gustavo Ramon
09/06/2011


.
 
 
 
eXTReMe Tracker