Página inicial
 
Mural de recados
24.04 | George Luís
Sou Centralino de Coração, apaixonado pela Patativa do Agreste, mas sem dúvidas, ...
23.04 | Davi
Parabéns ao Salgueiro pela campanha q vem fazendo,embora nos ultimos anos o time ...
23.04 | Patativa
Será que os dirigentes do Salgueiro administram o clube tal como os do Central, ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
02/06/2011
13h55 | esportes - SÉRIE A2
SÉRIE A2: Fora da competição, Íbis culpa FPF e espera solução
Apoio: BOA VISTA AUTO CENTER
O Íbis é uma das seis equipes que não foram inscritos na série A2 do Pernambucano. Para o presdiente Ozir Ramos, o responsável pela ausência da equipe é a própria Federação Pernambucana de Futebol, a quem teria faltado bom senso para validar a inscrição das equipes.

Ozir conta que chegou na Federação no dia 31 às 17h30, com toda a documentação necessária para a inscrição, e pagou as taxas. "Paguei tudo. Só ficou faltando a minha assinatura. Depois o João Caixero não quis aceitar. Mas eu estava presente e poderia assinar. Era questão de bom senso", disse.

Nesta quarta, dia 1º, ele tentou reverter a situação com o presidente em exercício da Federação Pernambucana de Futebol, Evandro Carvalho, sem sucesso. "Evandro me disse que era irreversível", lamentou o presidente do Íbis, que vai se reunir com os representantes do Afogadense, Sete de Setembro, Pesqueira, Flamengo de Arcoverde e Serrano para tentar arranjar uma solução para o caso.

"É lamentável o custo que eu tenho, o que eu já gastei, o que eu já investi, e Dr. João Caixero sacudiu na lata do lixo. Veja você qual é a dificuldade da gente. A gente gastou junto com a Prefeitura de Ipojuca mais de R$ 200 mil na recuperação do estádio de Nossa Senhora do Ó (Elísio Cardoso), que não tinha jogo há nove anos", declarou.

O dirigente teceu várias críticas à Federação. "Já começou uma competição com essas tribulações? Vão jogar 9 equipes e passam 8 para a segunda fase? O Timbaúba vai jogar com o campo fechado. Só o gramado. Porque a arquibancada está interditada. Limoeiro também vai ter jogo com os portões fechados. A tabela tinha que sair 60 dias antes do início das partidas e não saiu. O regulamento diz isso. Outra coisa, primeiro pediram de exame médico um eletrocardiograma, depois disseram que era um ecocardiograma. Eu já tinha feito o eletro dos meus 30 jogadores. Tive que fazer o eco na pressa, levando para o médico assinar em Caruaru no dia da inscrição", disparou.

Questionado sobre o por que de deixar para se inscrever apenas na última hora, e se não foi um erro ter deixado de assinar, Ozir Ramos disse que houve um "corre-corre" por causa da inscrição dos jogadores e desses novos exames pedidos.
 
Do Blog do Torcedor 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker