Página inicial
 
Mural de recados
25.05 | Ze ligado
É muito desespero mesmo, Gildo de volta?? 6 opções de ataque que era melhor pega ...
25.05 | Centralino Histórico
Warley, cadê os nossos valores revelados no PE 2017: Tomás e Paulinho Curuá???? ...
24.05 | Antonio
Araújo pedindo 400,000 R$ pro Central !!! Isso é um absurdo, o cara jurou amor a ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
12/04/2011
19h28 | esportes - PERNAMBUCANO 2011
PERNAMBUCANO 2011 -> Sebastião Rufino Filho apitará o Clássico dos Clássicos. Nas semifinais, Náutico, Santa e Porto escolheram por arbitragem local, já o Sport quer de fora
Quem completará o trio pernambucano é Aldir Pereira e Alberto José
A Federação Pernambucana de Futebol (FPF) divulgou os três árbitros que serão responsáveis pelo próximo Clássico dos Clássicos, entre Sport e Náutico, a ser realizado no domingo, às 16h. O sorteado pela entidade foi Sebastião Rufino Filho. Os assistentes foram: Aldir Pereira e Alberto José. Todos pernambucanos.

Polêmica

O presidente da FPF, Carlos Alberto Oliveira, fez uma reunião com representantes dos quatro clubes (Sport, Náutico, Santa Cruz e Porto) que disputarão o quadrangular final do Estadual. O encontro tinha como propósito definir de onde seria a arbitragem na reta final e decisiva do Pernambucano. Com exceção dos diretores rubro-negros, todos os demais pediram para manter a arbitragem local nos jogos das semifinais.

Sabendo disso e com o intuito de evitar maiores polêmicas, Carlos Alberto Oliveira fez o seguinte: nas partidas envolvendo o Sport haverá um duelo com juiz de outro estado e a outra será com árbitro local (a ordem não foi escolhida ainda). Por outro lado, quando Náutico, Santa e Porto se enfrentarem o apito será pernambucano.

O presidente da Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol (Ceaf), Chico Domingos, aprovou a decisão tomada. "Ele (Carlos Alberto) teve bom senso. Foi uma atitude democrática e terminou agradando todo mundo", explicou.
 
Do Super Esportes 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker