Página inicial
 
Mural de recados
26.06 | Gustavo
Muita gente acha que a soluçao pra o central é subir pra serie C,so que nao adia ...
26.06 | A verdade nua e crua!
Vi aqui alguns comentários sobre se gastar R$ 500 mil em uma atração do São João ...
26.06 | beto
CENTRAL DEVIA ERA ACABAR DEMOLIR E NIGUEM NUNCA MAIS LEMBRA QUE EXISTIU ESSE LIX ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
27/03/2011
18h52 | esportes - PERNAMBUCANO 2011
(PERNAMBUCANO 2011) - Santa Cruz 2x0 Porto - Vitória deixa o Santa Cruz mais perto da Série D
Os tricolores fizeram o dever de casa e derrotaram o Porto por 2 a 0, no Arruda, com dois golaços do atacante Gilberto.
Numa rodada decisiva, o Santa Cruz deu um passo muito importante rumo ao seu principal objetivo neste Pernambucano. Os tricolores fizeram o dever de casa e derrotaram o Porto por 2 a 0, no Arruda, com dois golaços do atacante Gilberto. Com o triunfo, a equipe coral chegou aos 41 pontos e se manteve na liderança do Estadual. Mas isto não é tudo. Com a vitória do Sport sobre o Central, agora, somente um ponto separa o time de Zé Teodoro da classificação à Série D.

Cientes da importância da partida, as duas equipes começaram o jogo acesas. Logo no início foi possível perceber a estratégia armada pelo técnico Zé Teodoro. Os tricolores trocavam passes rápidos buscando sempre as laterais do campo. Nos sete minutos iniciais, foram três oportunidades pela direita, sendo duas com Landu e uma com Jackson. O ímpeto coral deixou a partida muito franca no meio de campo.

A partir dos 15, os caruaruenses conseguiram equilibrar o confronto, acertando a marcação e partindo em contra-ataques velozes. Na maioria das vezes, o Gavião iniciava as ações com o meia Thiago Laranjeira, que buscava o atacante Paulista. O primeiro tempo seguiu com boas oportunidades de ambos os lados. No entanto, as chances eram desperdiçadas em passes errados. Até que aos 33, a estrela de Gilberto brilhou. Natan recebeu a bola na grande área, ganhou uma dividida e encostou para o atacante, que chegava de trás e mesmo escorregando, acertou um chute indefensável para Mondragon.

Preocupado com as subidas de Renatinho, o técnico Laelson Lima mudou o seu lateral direito, trocando Helder, que tinha amarelo, por Edi. De nada adiantou. No primeiro lance da segunda etapa, Renatinho desceu pela esquerda, e tocou para Natan. O meia limpou o primeiro e encostou para Weslley que, bem marcado, não conseguiu dominar. Mas a bola sobrou para Gilberto, que de virada, soltou uma bomba de perna esquerda, marcando o seu segundo gol no jogo. Agora, o tricolor se igualou a Paulista e Ricardo Xavier na artilharia da competição. Todos com nove.

Com a ampliação da vantagem coral, o Gavião mergulhou em busca do empate e cedeu muito espaço para os contra-ataques do Santa Cruz. No primeiro deles, Gilberto deixou Landu na cara de Mondragon, mas o atacante desperdiçou com um chute por cima da barra. Na sequência, Renatinho só não deixou o dele porque o goleiro Mondragon fez uma bela defesa.

A partir daí, o Santa Cruz precisou somente administrar o resultado. Com a marcação bem encaixada, os tricolores aguardavam os erros do Porto para tentar aumentar ainda mais a vantagem. Mas ficou por aí. Com o resultado, a equipe coral chegou aos 41 pontos, enquanto o Central permanece com 33. Uma vitória no Clássico das Multidões do próximo domingo garante, matematicamente, o Santa Cruz na Série D do Brasileiro.

.
 
 
 
eXTReMe Tracker