Página inicial
 
Mural de recados
24.07 | Paulo alvinegro
Parabéns Carlos pelo seu comentário. ...
24.07 | Carlos
O franco pra conversar merda,cara procure o que fazer e deixe o central em paz. ...
24.07 | Israelito Almeida
Maravilhosa Graça! Quanto a mudança de Estatuto: Creio ser bom descentralizar, ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
06/02/2011
10h03 | esportes - PERNAMBUCANO 2011
PERNAMBUCANO 2011 ---> As quatro outras partidas da 09º rodada.
Cabense x Porto, Ypiranga x América, Vitória x Araripina e Salgueiro x Petrolina.

Cabense x Porto 

“Jogo novo, técnico novo. A palavra de ordem aqui é renovação”, disse o presidente da Cabense, Paulo Lima. O próximo duelo do Azulão será  hoje, às 16h, contra o Porto, no Gileno de Carli, e a diretoria do clube quer ver, no mínimo, uma postura diferente. O grande problema do treinador estreante, Adelmo Soares, é que o adversário é o terceiro colocado, Porto.

A viagem pa­ra o Sertão foi bem desgastante. Depois de duas derrotas, para Araripina e Petrolina, o então treinador Paulo Júnior entregou o cargo. Quem foi para o comando foi Adelmo Soares, que havia sido demitido do Ypiranga. Para o duelo desta tarde, contra o Gavião, a diretoria azulina espera muito mais empenho dos atletas para sair da amarga 10ª colocação.

Inclusive, nos próximos dias, cabeças devem rolar, no Cabo de Santo Agostinho. O diretor de futebol Carlos Kila está negociando a chegada de reforços para o clube e esse duelo pode ser a última chance para alguns atletas mostrarem trabalho. A equipe titular será mantida para analisar o desempenho, garantiu Adelmo. “Nós vamos continuar com os mesmos 11 jogadores, para ver como vão atuar. Quem demonstrar vontade e empenho fica. Pois estamos atrás de peças importantes”, falou.

Já a situação do Porto é bem melhor do que qualquer caruaruense pudesse esperar. A um ponto do líder, Central, e empatado com o vice, Santa Cruz. A alegria do Gavião só aumentou depois de bater o Tricolor Coral por 3x1, no Lacerdão. Ainda assim o técnico da equipe, Laelson Lima, joga o favoritismo para os rivais. “Independente do mau início de campeonato, a Cabense tem um grupo forte e é a favorita por jogar no Gileno de Carli. De qualquer modo, nós vamos atrás do resultado”, disse.

Ypiranga x América

 Se a partida entre Ypiranga e América merecesse uma alcunha, com certeza, ela seria o “duelo dos desesperados”. Neste domingo, às 16h, as duas equipes se encontram no Estádio Otávio Limeira, em Santa Cruz do Capibaribe, para medir forças, e decidirem quem ficará com a indigesta lanterninha. Até o momento, é o Mequinha que ganhou a companhia dela. Foi “amor à primeira vista” desde o início do  Pernam­bu­ca­no. No entanto, como tem apenas dois pontos a menos que a Máquina de Costura, os alviverdes, com a vitória, fazem a troca de cadeiras com os donos da casa.

Segundo o treinador Nereu Pinheiro, a primeira vitória do América é possível, desde que os jogadores deixem de lado o nervosismo. “Criamos muitas oportunidades de gol diante do Vitória, mas não tivemos tranquilidade. Conversamos com os atletas e, para este jogo, esperamos uma postura diferente”, disse o comandante. Sobre a escalação, Pinheiro decidiu usar a tática do mistério. “Estou com dúvidas na zaga, no meio e no ataque. Só o gol está definido”, brincou o velho Nereu. Mesmo assim, é possível que a escalação seja a mesma da rodada passada. O mesmo deve ser feito pelo treinador Roberto de Jesus. No jogo contra os alvirrubros, a equipe teve uma evolução e até passou perto de conseguir o resultado positivo .

Novidade

No embate deste domingo, é bom os jogadores de América e Ypiranga segurarem a língua na hora de possíveis reclamações contra a arbitragem da partida. O fato é que o comando do jogo ficará em mãos femininas. A árbitra Ana Karina Marques, de 31 anos, será a dona do apito no duelo. Mas a novidade para por ai. A dupla de assistentes continuará masculina, com Charles Rosas e Ricardo Chianca nas bandeirinhas.

Vitória x Araripina

Adeus para a crise ou não? No duelo passado o técnico Peu Santos mandou o Vitória ao gramado com a necessidade de vencer. Foi difícil, mas o comandante conseguiu: bateu o América, de virada, por 2x1 e segurou o emprego com as duas mãos. Neste domingo, às 16h, o Taboquito enfrenta o Araripina, no Carneirão. Ou seja, a obrigação continua a mesma. E a pressão também.

Os dois últimos jogos deram uma certa amenizada nas cobranças em Vitória de Santo Antão. Contra o Sport, o Tricolor saiu derrotado, por 2x1, mas conseguiu fazer uma boa apresentação e deu muito trabalho para o Rubro-negro. O outro adversário foi o Mequinha que chegou a assustar, abrindo o placar, mas o zagueiro taboquito Cleiton marcou duas vezes e garantiu a vitória. Uma noite realmente iluminada, e inusitada, para o defensor.

Ainda assim, a nona colocação ainda não agrada os dirigentes. E para vencer o oitavo colocado, Araripina, o Tricolor sabe que vai precisar suar bem mais a camisa. “É mais um jogo de seis pontos, porém muito mais difícil. O América ainda está se ajustando. Já o Bode não vem para brincadeira e teremos de jogar bem melhor que no último jogo para não precisar contar tanto com a sorte”, disse Peu Santos. Informações de bastidores apontam que o futuro do comandante será definido com base nas próximas partidas.

Além do fator casa, o Taboquito vai para o duelo sem desfalques. Diferente do Bode, que ainda não poderá contar com Marcos Mendes, com uma luxação na coxa. A dupla Gideon e Odilon, que não são cantores sertanejos, e sim jogadores, devem ocupar a cabeça-de-área do time. Outra dúvida é o lateral-esquerdo Janílson, recuperando-se de uma virose. Caso o atleta não tenha condições de atuar, quem entra é Michael.

Salgueiro x Petrolina

Mais um clássico anima esta nona rodada do Campeonato Pernambucano. O Salgueiro joga contra o Petrolina, às 16h, no Cornélio de Barros. Será o clássico sertanejo. Um jogo entre duas equipes que se conhecem muito bem e até possuem laços estreitos. ´Amigos` que estão próximos na classificação. A Fera Sertaneja está na sexta posição, com 14 pontos, enquanto o Carcará está na sétima, com 11 pontos. 

´O grupo está focado em conquistar esses três pontos. Mas sabemos que será um jogo difícil, já que o time do Petrolina é bom e tem um treinador muito experiente`, disse o diretor de futebol do Salgueiro, Fernando Alves. 

O Petrolina realizou ontem um recreativo e à tarde seguiu viagem para Salgueiro. O presidente do clube, Antônio Carlos Benevides, fala que existe uma relação de amizade entre as duas equipes, mas que que dentro de campo cada um vai deixar isso de lado. ´A nossa maior dificuldade nesse clássico será o nosso adversário. O Salgueiro é um time forte. A sua base é formada pelos jogadores que deram acessoao time à Série B.` A Fera Sertaneja terá dois desfalques: o lateral Jefferson e o zagueiro Demir. 

 


.
 
 
 
eXTReMe Tracker