Página inicial
 
Mural de recados
18.01 | centralino
Tem muito imbecil que tem prazer em vir fazer postagem aqui posando de torcedor ...
18.01 | Willians Maia
Amigos...fico estarrecido como todos os anos e toda troca de Presidente no Centr ...
18.01 | Glauco
Esse conformismo idiota dos torcedores do Central, é o que mais irrita, empatar ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
23/12/2017
13h02 | esportes - NÁUTICO
NÁUTICO --- Meia Wallace Pernambucano realiza sonho de jogar em grande do estado
Aos 30 anos e após passagens por Confiança, Sergipe, Treze e Ceará, o meia Wallace Pernambucano vai pela primeira vez na carreira defender um clube grande do estado, o que o próprio jogador definiu como um sonho. Desejo compartilhado de forma especial por parte da família do jogador, que torce pelo Náutico. Fato que, segundo o armador, pesou na decisão de aceitar o convite para defender o Timbu na temporada 2018.

"Sempre foi um sonho jogar em clube grande daqui de Pernambuco. E o Náutico tem uma camisa de tradição, que já ganhou tudo o que disputou. Por isso minha dedicação vai ser máxima. Vou me empenhar bastante para ajudar o clube a conquistar o Campeonato Pernambucano e ir bem na Copa do Brasil, na Copa do Nordeste e conseguir o acesso à Série B", pontuou o meia, natural da cidade de Escada, localizada a 64 quilômetros do Recife.

Distância que não impediu Wallace de frequentar jogos do Náutico nos Aflitos durante a juventude. Sempre acompanhado dos tios alvirrubros. "Quase toda a minha família é Náutico. Isso foi o que me motivou ainda mais a vir para o clube. Meus tios sempre pediam para eu jogar no Náutico e graças a Deus hoje estou aqui vestindo essa camisa", reforçou.

"Já frequentei os jogos do Náutico nos Aflitos várias vezes. Quando Kuki (atual assistente-técnico) fazia os gols e a torcida ia ao delírio, eu ficava louco. Estava até falando para ele que eu o vi jogar e agora estou trabalhando com ele. Isso é uma honra pra mim", afirmou o meia, que no entanto não quis dizer o seu time de infância. "Jogador não tem time não. Mas o meu agora é o Náutico", completou.

Preparação
Um dos primeiros jogadores a serem anunciados como reforços para 2018, Wallace Pernambucano também foi um dos primeiros iniciar os treinos com bola no atual elenco alvirrubro. E com a sua experiência, acredita que o time estará perto da condição ideal já para o jogo de ida da fase classificatória da Copa do Nordeste, no dia 8 de janeiro, contra o Itabaiana, fora de casa.

"Cem por cento o time não vai estar. Até porque o dia oito já está muito perto. Mas creio que entre 80% e 90% a equipe possa estar para esse jogo. Vamos nos dedicar ao máximo, como estamos fazendo todos os dias aqui nos treinamentos, para fazer uma boa partida e completar essa classificação para o Náutico", finalizou.
 
DO SUPER ESPORTES PE 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker