Página inicial
 
Mural de recados
21.09 | MARCONDES
SERÁ Q O CENTRAL FOSSE PEDIR PRA PREFEITA DAR UMA GERAL NO CT, ELA PELO MENOS MA ...
21.09 | VICTOR HUGO
A PREFEITA É D CARUARU, MAS NÃO FAZ NADA PELOS 2 CLUBES CENTRAL E PORTO, ELA DEV ...
21.09 | Paulo alvinegro
É muito engraçado o presidente do central pra conseguir falar com o prefeito de ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
06/09/2017
20h23 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B - Náutico 1x0 Brasil de Pelotas - Timbu sobe para 20 pontos e mantém reação na luta contra rebaixamento
Um jogo em casa, após 12 dias de intervalo para afinar o time. O momento decisivo para a arrancada rumo à reação na Série B. O Náutico precisava da vitória e conseguiu. Chorada. No sufoco. Com um gol aos 42 minutos. Placar de 1 a 0 que valeu como goleada. O Timbu derrotou o Brasil-RS, nesta quarta-feira, na Arena de Pernambuco, e segue respirando. A saída da zona de rebaixamento é cada vez mais palpável.

 


 O técnico Roberto Fernandes planejava uma evolução na equipe, após 12 dias de intervalo desde a última partida. Não foi possível para o treinador repetir a escalação, por conta do desfalque de Breno Calixto na zaga, mas, no setor ofensivo, ao menos, ele teve a oportunidade de escalar o melhor. E assim Bruno Mota atuou lado de Giovanni, com Gilmar e William no ataque. O aguardado quarteto, porém, não funcionou. Houve pouco entendimento ofensivo, resultando em poucas jogadas criadas.

O Náutico havia feito valer o mando de campo nos dois últimos jogos em casa, diante de Luverdense e Figueirense, inclusive, com atuações convincentes. Diante do Brasil-RS, porém, encontrou um adversário bem posicionado na defesa e com um contra-ataque perigoso. O Timbu só não terminou o primeiro tempo atrás do placar, com justiça, por sinal, por um erro da arbitragem, que anulou gol do atacante Lincom para os gaúchos. 

Segundo tempo

Desde a etapa inicial, Roberto Fernandes havia mostrado insatisfação com o desempenho do Náutico. Na volta para a segunda etapa, trocou o apagado Giovanni por Iago, tal qual fez nos treinos durante a semana - essa era uma dúvida cogitada para o jogo. Não surtiu o efeito inicial, e a dificuldade na criação persistia. Depois, foi a vez de William Schuster entrar no lugar de Bruno Mota, em busca de melhor equilíbrio no setor. 

 


A melhora do Náutico foi sensível e só veio aparecer a partir dos 30 minutos, quando o Brasil-RS cometia erros na marcação. A essa altura do campeonato, o empate é o mesmo que uma derrota para o Timbu. Roberto Fernandes posicionou o time todo para a frente. Sua última cartada foi a entrada do centroavante Vinícius na vaga de Gilmar, já desgastado.

O Brasil-RS parecia satisfeito com o empate e tentava segurar o empate. O Náutico seguia pressionando e já era superior. Até que a cartada final funcionou. Aos 42 minutos, Iago bateu cruzado, Marcelo Pitol deu o rebote e Vinícius, bem posicionado e com tranquilidade, empurrou para o gol. O atacante marcou o quarto gol dele na Série B. E só não foi mais decisivo para a vitória porque, já nos acréscimos, o goleiro Jefferson roubou a cena. Na cabeçada à queima roupa de Misael, o prata da casa fez uma milagrosa defesa. Foi como um gol para o Timbu.

Ficha do jogo

Náutico 1

Jefferson; Joazi, Aislan, Feliphe Gabriel e Ávila; Amaral, Diego Miranda e Giovanni (Iago); Bruno Mota (William Schuster), William e Gilmar (Vinícius(. Técnico: Roberto Fernandes

Brasil 0

 

Marcelo Pitol; Éder Sciola, Evaldo, Teco e Breno; Leandro, João Afonso, Juninho (Cassiano) e Itaqui; Marcinho (Misael) e Lincom (Calyson). Técnico: Clemer

Local: Arena de Pernambuco. Árbitro: Antônio Dib de Sousa (PI). Assistentes: Rogério de Oliveira Braga e Mauro Cezar Evangelista (ambos do PI). Cartões amarelos Lincom, Evaldo, Teco (B), Joazi, Aislan, Iago, Amaral, Bruno Mota (N). Gol: Vinícius (aos 42 minutos do 2°T)

 

 
DO SUPER ESPORTES PE 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker