Página inicial
 
Mural de recados
24.06 |
Soube que a procura de ingressos foi fraca... Que torcida fraca essa do central ...
24.06 | Gustavo
Lembro de quando anunciaram essa parceria com Granada fiz uma pesquisa e vi que ...
24.06 | Kaio SGD
Olha nos desfalque só o que poder atrapalhar é o desfalque de Agenor o resto pod ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
13/02/2017
22h15 | esportes - NÁUTICO
NÁUTICO - Volante Maylson dificilmente ficará no Timbu
Ao que tudo indica, Maylson vai deixar o Náutico nos próximos dias. A situação do volante ficou praticamente insustentável em virtude dos episódios ocorridos após a derrota para o Campinense, domingo. Um indicativo disso é a ausência do nome do atleta da relação dos atletas que vão viajar para Juazeiro do Norte, no Ceará, na manhã desta terça-feira, fato divulgado pelo repórter João Victor, da Rádio Jornal.

Foi o mesmo repórter quem trouxe à tona as informações da confusão ocorrida após a derrota para o Campinense, no domingo. Antes do retorno ao Recife, durante o jantar, houve um desentendimento entre Maylson e o auxiliar Hilton Bezerra. O atleta jogou um prato na direção do auxiliar técnico. O técnico Dado Cavalcanti chegou a interferir na discussão e foi contido por outros atletas.

A bomba começou a estourar, entretanto, ainda no campo. Imediatamente após o jogo, Maylson deu uma declaração criticando um membro da comissão técnica. “Pedir desculpa aos torcedores e falar para alguns da comissão que, se não confia no meu trabalho, que me mande embora então”, disparou. O desabafo pegou o técnico Dado Cavalcanti de surpresa, que não respondeu na coletiva. Tentou colocar panos quentes.

A situação, contudo, não esfriou nesta segunda-feira. Algumas reuniões foram realizadas, fato que impossibiliou, inclusive, o técnico Dado Cavalcanti de acompanhar o treino programado para os reservas, como de costume. O atleta também se reuniu com a direção de futebol. A intenção dos encontros era esclarecer o fato e analisar o desgaste causado.

As informações colhidas pelo Superesportes indicam que o treinador saiu fortalecido do episódio, recebeu o apoio do elenco, um indício de que a situação do volante ficou extremamente delicada. Mas nada de decisões oficiais. Por enquanto, a regra é o silêncio. Tanto dos dirigentes, como dos jogadores e dos envolvidos na confusão.
 
DO SUPER ESPORTES PE

.
 
 
 
eXTReMe Tracker