Página inicial
 
Mural de recados
23.06 | Danilo
http://sportv.globo.com/site/programas/ta-na-area/noticia/2017/06/empresario-ilu ...
23.06 | Duda
Eu acredito!!! Vamos meu Central, vamos sair dessa série D. Lícius tem feito o p ...
23.06 | MARCOS LEITE
CENTRALZÃO EM BUSCA DA CLASSIFICAÇÃO E A TORCIDA CHEGANDO DE MONTÃO NO LACERDÃO, ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
04/11/2016
22h58 | esportes - SÉRIE B 2016
SÉRIE B - CRB 1x0 Náutico - Timbu deixa o G4
A torcida alvirrubra atendeu ao chamado e lotou a parte a ela destinada no Rei Pelé. Em campo, viu um Náutico que até buscou a vitória, especialmente no primeiro tempo - quando foi prejudicado por um gol legal mal anulado pela arbitragem. Porém, se houve vontade, o Timbu sentiu a falta de peças importantes. Tanto de Bergson, Gastón e Rodrigo Souza, que estavam suspensos, quanto de atletas que, dentro de campo, pouco produziram. Sem o brilho individual de Rony, Marco Antônio e Vinícius, apagados, o Alvirrubro sucumbiu em Maceió. Saiu derrotado para o CRB, deixou o G4 e, de quebra, acendeu a esperança de um concorrente direto.

Com o resultado, o Náutico fica fora do G4 da Série B ao término da 34ª rodada. Isso porque o Bahia venceu o Vila Nova na sexta-feira e ultrapassou o Alvirrubro na tabela. Agora, o Timbu tenta recuperar-se na próxima terça, quando encara o Goiás, na Arena de Pernambuco.

Ainda que as duas torcidas protagonizassem uma bonita festa nas arquibancadas, dentro de campo os times fizeram um início de jogo morno e com poucas oportunidades. No lugar delas, um número alto de faltas. A primeira finalização só veio aos 12 minutos, numa cabeçada sem perigo de Zé Carlos. Seis minutos depois, Tiago Adan recebeu cruzamento de Mateus Muller e escorou para as redes, mas o árbitro marcou um impedimento que não existiu.

O Náutico tinha mais posse de bola e era superior ao time da casa, mas não conseguia traduzir a superioridade em chances reais. A única foi aos 34, em jogada que Tiago Adan ajeitou para Marco Antônio, dentro da área, isolar. Por outro lado, o CRB não conseguia incomodar a defesa alvirrubra. Isolado, o centroavante Zé Carlos não teve nos pés uma única bola de perigo.
 
 Segundo tempo

No segundo tempo, o CRB entrou mais ligado. O Náutico, por sua vez, diminuiu o ritmo da primeira etapa. Dos dois lados, porém, seguia a dificuldade de penetrar na defesa e o jogo seguiu truncado. De fora da área, Galo e Timbu tentaram algumas vezes, sem sucesso. A melhor chance regatiana foi aos 16 minutos, quando Wellington Júnior arrancou em contra-ataque e, de frente para Júlio César, desperdiçou.

Na reta final de jogo, o CRB acordou para o jogo. Já chegava com perigo aos 34, quando Marco Antônio bobeou na saída de jogo. Matheus Galdezani aproveitou e fuzilou Júlio César. Logo após o gol, Givanildo Oliveira colocou Esquerdinha e Yuri Mamute nas vagas de Marco Antônio e Negretti. Aos 42, Rony ainda teve boa chance, batendo com perigo no canto, para fora.

Ficha do jogo
CRB
Júlio César; Marcos Martins, Flavio Boaventura, Gabriel e Diego; Matheus Galdezani, Glaydson (Wellington Júnior), Pery, Luidy (Roger Gaúcho) e Gérson Magrão (Éder); Zé Carlos. Técnico: Mazola Júnior.

Náutico
Júlio César; Joazi, Rafael Pereira, Igor Rabello e Mateus Muller; João Ananias, Negretti (Yuri Mamute), Marco Antônio (Esquerdinha) e Vinícius; Rony e Tiago Adan (Jefferson Nem).

Data: 05/11/2016
Estádio: Rei Pelé, em Maceió
Horário: 16h30
Árbitro: Alinor da Silva Paixão (MT).
Auxiliares: Jackson Timóteo Lopes (MT) e Marcelo Grando (MT)
Gol: Matheus Galdezani (36’ do 2ºT).
Cartões amarelos: Glaydson, Marcos Martins, Pery, Wellington Júnior (CRB), Negretti, João Ananias, Marco Antônio, Joazi, Mateus Muller (Náutico).
 
DO SUPER ESPORTES PE 
 
(Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)

.
 
 
 
eXTReMe Tracker