Página inicial
 
Mural de recados
28.06 | ojuara
CONCORDO NELHOR PAGAR SAFADAO DE QUE INVESTIR NESSE CLUBE SAFADO DE LADROES PORQ ...
28.06 | Paulo Junior
Parabéns pela atitude dos torcedores do Central em dividir o dinheiro com os fun ...
27.06 | Carlos
Eu acho que esse verdade nua e crua tem problemas mentais ele fica pensando,pens ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
27/07/2015
20h25 | esportes - NÁUTICO
NÁUTICO: Timbu acerta contratação do meia Dakson, ex-Vitória e Vasco
O Náutico já tem um novo meia para a disputa da Série B. Trata-se de Dakson, de 28 anos, que estava no Vitória-BA e vinha sendo negociado há cerca de um mês. O jogador fica nos Aflitos até o término da Série B e terá parte dos seus salários pagos pelo Timbu e a outra metade pelo clube baiano. O jogador trabalhou com o técnico Lisca nas categorias de base do Fluminense. Como profissional, defendeu também o Vasco e ainda tem uma passagem pelo futebol da Bulgária.

De acordo com um membro da diretoria do Náutico, que pediu reserva no nome, tudo já está acertado, restando apenas "assinar o contrato". A intenção é que o jogador seja anunciado de forma oficial na próxima quarta ou quinta-feira. Nesta segunda, o empresário do atleta, Rafael Carvalho, conseguiu a liberação junto ao Vitória. Dakson também tinha proposta do Joinville.

A negociação com Dakson chegou a dar uma travada porque o Vitória, em determinado momento, desistiu de arcar com metade dos vencimentos do jogador. Problema que foi resolvido nos últimos dias. 

Mais reforços
 
Além de Dakson, a diretoria alvirrubra ainda espera anunciar mais um lateral esquerdo e um atacante até o fechamento das inscrição para a Série B. O nome do atacante Leandrão, ex-Sport, chegou a ser cogitado, mas foi descartado porque o Brasil de Pelotas, atual clube do jogador, se negou de abrir mão da multa de rescisão contratual no valor de R$ 200 mil.
 
Do Super Esportes 

.
 
 
 
eXTReMe Tracker