Página inicial
 
Mural de recados
20.08 | Jose Helio Pessoa
Bom dia centralinos, surge uma esperança na história do nosso querido Central de ...
19.08 | Gustavo
O Atletico do Acre conseguio o acesso pra serie C com uma folha salarial de 60 m ...
19.08 | Antonio do Salgado
Com certeza ja deram um ninha em Airton Junior, e sobre a outra chapa kd o Alexa ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
27/06/2015
09h26 | esportes - SÉRIE B
SÉRIE B: Náutico empata com ABC-RN, no Frasqueirão, em 3x3, e cai para a quarta colocação
O Náutico esteve três vezes à frente no placar, neste sábado, contra o ABC-RN: 1 a 0, 2 a 1, 3 a 2. Em nenhuma delas, conseguiu segurar a vantagem. Cedeu o empate e desperdiçou, assim, a chance de voltar a vencer na Série B. O resultado da partida, 3 a 3, no Frasqueirão, em Natal, fez o Náutico cair para a quarta colocação na Série B - já que Paysandu e Bahia venceram na rodada.
 
O tempo de estudo das equipes, os primeiros minutos da partida, serviu para o Náutico perceber que o foco ofensivo do ABC-RN na partida seria buscar as jogadas pelas alas. O time potiguar, por sua vez, encontrou um Náutico compactado em seu campo, armado para o contra-ataque. Como as duas equipes começaram mais preocupadas com a marcação e errando muitos passes, as oportunidades reais de gol demoraram para aparecer. E foram poucas.

A primeira aconteceu aos 24 minutos. E foi do ABC-RN, numa jogada lateral. Pela esquerda, Marcílio cruzou. A bola atravessou a área e caiu na direita, nos pés de Fábio Bahia, que emendou outro cruzamento. Fabinho Alves apareceu livre e cabeceou para baixo, ao lado do gol de Júlio César. O time potiguar ainda assustou com Edno, aos 30, num chute fora da área, antes do placar ser aberto. O goleiro alvirrubro defendeu a finalização.

Se o ABC desperdiçou as chances criadas, o Náutico não. No primeiro contra-ataque efetivo que o time conseguiu encaixar, chegou ao gol. Pedro Carmona ganhou uma dividida no meio-campo, aproveitando um erro de passe potiguar, e a bola sobrou para Douglas. O atacante avançou livre pela esquerda. Cara a cara com Saulo, puxou para o lado e esperou o choque. Pênalti marcado. Pedro Carmona cobrou aos 35 e fez 1 a 0.

A importante vantagem não durou muito. Tão logo reiniciou a partira, o ABC empatou. Em mais um lance pela ala, aos 37 minutos, Fabinho arrancou e tocou rasteiro para a área. Kayke apareceu em velocidade e marcou.  O cochilo do Náutico só não foi tão prejudicial porque, no último minuto da etapa, o Timbu restabeleceu a vantagem, num lance parecido ao do gol do ABC. Douglas arrancou pela esquerda e tocou rasteiro, para trás. Marino apareceu em velocidade e fez 2 a 1.

2º tempo
Se a cautela marcou o início do primeiro tempo, a etapa complementar começou acelerada. Nos dez primeiros minutos, duas boas chances de gol, uma delas convertida. Aos 4 minutos, mais uma vez pela esquerda, Marcílio fez uma boa tabela com Edno e Fabinho Alves e saiu frente a frente com Júlio César. Tocou cruzado e empatou a partida novamente. Aos sete, em mais um lance pela esquerda, Edno concluiu o cruzamento na área com um chute seco, à queima roupa do goleiro Júlio César, que fez uma defesa espetacular.

Sentindo o bom momento, o ABC-RN cresceu na partida. Dominou o meio-camp, mas não conseguiu sufocar o Náutico como pretendia. O Timbu, por sua vez, recuperou um pouco da consistência defensiva e esfriou o jogo. As oportunidades de gol reduziram e passaram a ser menos incisivas. O ritmo da partida voltou a ser o do início da partida, com muitos erros de passe,  até que, aos 27, Marino voltou a aparecer para colocar o Náutico novamente à frente no placar. Com um golaço, um chute de fora da área no ângulo de Saulo: 3 a 2.

Com a vantagem no placar e o adversário desesperado em campo - e cansado -, o Náutico se fechou para segurar a vitória. Aos 40 minutos, Lisca sacou o lateral direito Guilherme e colocou o zagueiro Flávio, na intenção de fechar o setor mais explorado pelo ABC. Aos 41, porém, o ABC conseguiu o empate em mais um cruzamento na área. Desta vez, pelo alto. Neto Coruja lançou e Edno, de cabeça, empatou o jogo mais uma vez.

FICHA DO JOGO

ABC-RN
Saulo; Igor Julião (Reginaldo - 9' do 2ºT), Suélinton, Leonardo Luiz e Marcílio (Jussandro - 25' do 2ºT);  Fábio Bahia, Neto Coruja, Dedé e Edno; Kayke e Fabinho Alves (Bismark - 29' do 2ºT). Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

NÁUTICO
Júlio César; Guilherme (Flávio - 40' do 2ºT), Diego, Fabiano Eller e Gaston; João Ananias, William Magrão (Fillipe Souto - 19' do 2ºT), Marino e Pedro Carmona (Renato - 26' do 2ºT); Hiltinho e Douglas. Técnico: Lisca.

Estádio: Frasqueirão (Natal-RN). Árbitro: Eduardo de Santana Nunes (SE). Assistentes: Daniel Vidal Pimentel (SE) e Oberto da Silva Santos (PB). Gols: Kayke (37' do 1ºT), Marcílio (4' do 2ºT) e Edno (41' do 2ºT); Pedro Carmona (35' do 1ºT) e Marino (46' do 1ºT e 27' do 2ºT). Cartões amarelos: Hiltinho e Suélinton (A); João Ananias, Gastón, Júlio César e Renato (N).
 
Do Super Esportes 
 
Foto: Nuno Guimarães/O Globo 
 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker