Página inicial
 
Mural de recados
21.08 | Israelito Almeida
Maravilhosa Graça! De longe fica difícil avaliar, somente com as informações ...
21.08 | MARCOS LEITE
FALAR EM TABELA DA SEGUNDONA VICTOR HUGO, PELA LEI TEM Q DIVULGAR 60 DIAS ANTES ...
21.08 | júnior
já pensou se não tivesse vaidade,e todos se unir-se como seria maravilhoso para ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
07/04/2015
18h37 | esportes - NÁUTICO
NÁUTICO -> Dois dias depois, Lisca não esquece eliminação no Estadual e destila ironia
CLIQUE E CONFIRA.
Lisca Náutico (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)Lisca ainda está irritado com a eliminação precoce no Estadual (Foto: Aldo Carneiro / PE Press)

Duas eliminações precoces no primeiro semestre de 2015, ao que parece, deixou o treinador do Náutico, Lisca, perturbado. Na reapresentação do elenco, após a derrota para o Salgueiro, por 4 a 1, que causou a desclassificação no Pernambucano, o comandante alvirrubro deixou evidente que não digeriu o revés contra o Carcará. Diante dos repórteres que cobrem o dia a dia do clube, ao invés de conceder a tradicional entrevista coletiva, Lisca soltou farpas contra a arbitragem da última partida e a Federação Pernambucana de Futebol. Foram 40 minutos de falatório. Descarregou sua revolta de forma irônica.  

 

Assim que os primeiros repórteres começaram a entrar na sala de imprensa do clube, antes do treino, o comandante disparou sem precisar ouvir a primeira pergunta:

- Por que não vi nada em relação ao lance mais polêmico da partida (o lance do suposto pênalti de Marcos Tamandaré sobre Renato, que foi marcado e depois de dois minutos, anulado pelo juiz Nielson Nogueira Dias após ser consultado pelo quarto árbitro, Gleydson Leite)? Não vi matéria nenhuma sobre isso...

Sempre que era perguntado sobre outros assuntos, Lisca batia na tecla do lance. Em nenhum momento, o treinador alvirrubro apontou um culpado. Mas ironizou muito o quarto árbitro da partida, Gleydson Leite.

- Eu queria parabenizar a Federação Pernambucana de Futebol pelo fenômeno que é na arbitragem. Gleydson conseguiu ver um lance que nem o árbitro viu. Eu recomendo a FIFA que contactem esse cidadão, porque ele é um cyborg. Um fenômeno. Pernambuco não precisa chamar juízes de fora para apitar o jogo. Temos um fenômeno na arbitragem. 

Lisca não parou em momento algum de ironizar Gleydson Leite, nem a Federação Pernambucana de Futebol e o presidente dela, Evandro Carvalho.

- Como ele conseguiu a olho nu ver o que você só consegue ver pela televisão. Ele  viu a cinquenta metros o que o árbitro (Nielson Nogueira) não viu a dez metros. Salmo (Valentim, presidente da comissão de arbitragem) e Evandro (Carvalho, presidente da Federação Pernambucana de Futebol), que falou que foi pênalti no Helder, merecem parabéns.
 
DO GLOBOESPORTE.COM/PE 

 


...
 
 
 
eXTReMe Tracker