Página inicial
 
Mural de recados
18.09 | MARCONDES
O PORTO MOSTROU Q TRABALHO E ORGANIZAÇÃO DÃO BONS FRUTOS, ESPERO Q O CENTRAL SE ...
18.09 | MARCOS LEITE
PARABENS O PORTO FEZ BARBA E CABELO COMO SE DIZ NA GIRIA DO FUTEBOL, GANHOU SÁBA ...
18.09 | VICTOR HUGO
VOA ALTO GAVIÃO, NO SUB-20 PORTO 5X0 BELO JARDIM E NA SÉRIE A2 SETE 0X2 PORTO, V ...
 
[Enviar] [Listar]
Esportes
Vídeos
CENTRAL de CARUARU
Clube Atlético do Porto
Sport Club do Recife
Santa Cruz Futebol Clube
Clube Náutico Capibaribe
Salgueiro Atlético Clube
Futebol Pernambucano
Futebol Nacional
Futebol Internacional
Opinião
Giros
Enquete
Não existe enquete no momento!
 
Publicidade
 
 
06/04/2015
15h23 | esportes - NÁUTICO
NÁUTICO -> Presidente do Timbu revela problema de saúde e pede licença de 30 dias
CLIQUE E CONFIRA.
O desgaste do presidente alvirrubro com os recentes resultados forçou Glauber Vasconcelos a tomar uma dura decisão. Alegando problemas de saúde, o mandatário alvirrubro decidiu se afastar por 30 dias para iniciar um tratamento que vinha adiando há algum tempo. Ele ainda revelou que chegou a sofrer uma paralisia facial por causa do estresse que sofreu nos últimos dias com a gestão do Timbu. Enquanto estiver fora do clube, o vice-presidente alvirrubro Gustavo Ventura responderá como presidente do Timbu.

“Mês passado, eu já tinha pretensão de tirar essa licença, mas, com essa quantidade de jogos decisivos, eu não poderia. Agora, irei tirar um mês para me recuperar e poder voltar 100%”, esclareceu Glauber Vasconcelos.
 
Segundo o presidente, dias como o último domingo, quando se transtornou com as decisões de Nielson Nogueira, prejudicaram muito a sua saúde e a carga de estresse já vinha cobrando o seu preço. “Chegaram a dizer que eu havia sofrido um AVC, mas foi apenas uma paralisia facial. Tudo isso devido ao estresse. Vou me dedicar minha saúde nesse mês e não falarei sobre o clube neste tempo”, revelou.

A previsão de retorno do mandatário é bem próxima da estreia do Náutico na Série B, quando o Timbu recebe o Luverdense na Arena Pernambuco.

Sem medo de represália 
As críticas feitas pelo presidente Glauber Vasconcelos a arbitragem de Nielson Nogueira, no último domingo, em Salgueiro, podem acarretar em medidas da FPF e da comissão de arbitragem contra o mandatário. Porém, Glauber afirmou que não teme qualquer tipo de ação. “O que aconteceu foi um vexame. Ele pode me acionar. Não tem o que temer. Ele tentou me matar do coração e quase conseguiu”, afirmou o presidente.
 
Do Super Esportes PE 

...
 
 
 
eXTReMe Tracker